martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

terça-feira, 20 de dezembro de 2022

INSERGURANÇA: 56 mil potiguares tiveram algum bem roubado mediante grave violência em 2021, diz IBGE

Terça, 20 de Dezembro de 2022

Imagem: reprodução

O Rio Grande do Norte teve 56 mil potiguares que revelaram terem algum bem roubado diante de um cenário de ameaça ou violência no ano de 2021. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (20) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e estão presentes na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), que traz dados do ano passado.

Em números percentuais, cerca de 1,97% da população com mais de 15 anos do estado potiguar foi vítima de algum roubo ao longo de 2021.

Além disso, a pesquisa revelou que cerca de 40 mil domicílios do Rio Grande do Norte tiveram pelo menos um morador que foi vítima de roubo, o que equivale a 3,4% dos domicílios de todo o estado. Em relação aos furtos, que ocorrem sem o emprego de violência, o número é de 39 mil domicílios com pelo menos uma pessoa que foi vítima.

A pesquisa revelou, também, a quantidade de potiguares que empregaram alguma medida de segurança para se proteger dos furtos e roubos. De acordo com o IBGE, 64% dos domicílios pesquisados tinham pelo menos, uma medida de segurança adotada.

O emprego de trava, tranca, fechadura ou grade (40,6%) foram os mais utilizados, seguido do uso de muro ou grades altos, cacos de vidro ou arame farpado (32,3%).

Outro percentual de destaque foram os domicílios que utilizavam cão de guarda ou outro animal para proteger o domicílio (23,8%), seguidos de cerca elétrica (12,9%), alarme ou câmera de vídeo (11%), funcionário contratado para vigilância (10,2%), arma de fogo (1,7%).

O IBGE reforça que a Pnad Contínua é feita por amostragem. As informações são prestadas por um morador considerado apto a responder o questionário em nome das demais pessoas do domicílio. Participam do questionário pessoas a partir dos 14 anos.

g1-RN

OPINIÃO DOS LEITORES

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9 9151-0643

Contato : (84) 9 9151-0643