martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sábado, 18 de abril de 2020

MARTINS-RN: SE ASSUSTEM NÃO, É SÓ O POPULOSO BAIRRO JOSÉ ELINA DOS SANTOS " COHAB" MATO E O LIXO ACUMULADO ESTÁ TOMANDO DE CONTA PREJUDICADO MORADORES



Mesmo não acontecendo reunião ordinária a cerca de 30 dias, por força de Decreto legislativo, devido o Coronavírus, a Câmara Municipal, que é o único local onde a população tem seus pleitos reivindicados, o vereador Francisco Avelino de Carvalho "Cabecinha" não deixa barato e faz visitas em localidades e bairros que estão sendo deixadas de lado pela atual gestão da prefeita Olga Fernandes. 

A população não está nada satisfeita com essa situação, pois querem passam para todos que Martins está as mil maravilhas, mas acontece que sem maquiagem, a real situação é outra. Vale lembrar que 80% do centro da cidade, e 100% de todos os bairros se encontram em situação caótica, com o lixo e mato toda parte. Se preocupe não que nós mostramos tudo.

Em tempo de coronavírus, com o Decreto de "Fica em casa Martins", tem muitas famílias passando necessidade pois foram impedidos de trabalhar. Vai uma dica para a prefeita, organize uma operação "Limpa Martins" coloque pais de família e interessados de cada bairro para limpar o mato de inchada, pois só resolve arrancando o mato pela raiz que limpa de verdade. Assim mataria dois coelhos de uma paulada só, limpa os bairros e gera emprego. Pois aquelas roçadeiras portáteis que a prefeitura usa além de não limpar direito, tira o ganha pão de muitas pais de família e não resolve o prolema. "Simples assim"

Essas fotos foram feitas na Cohab nesta quarta 15 de abril!!


























URGENTE: Camilo Santana diz que vai prorrogar isolamento social nos próximos dias

Sábado, 18 de Abril de 2020

Será a terceira prorrogação do decreto que suspende atividades não essenciais desde que teve início o isolamento social no Ceará, em 19 de março.


O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), realizou transmissão nas redes sociais na noite deste sábado, 18, para atualizar o cenário da pandemia do novo coronavírus no Estado. O gestor disse que o atual decreto de isolamento social, que expira no fim da próxima segunda-feira, 20, será renovado nos próximos dias. Nova data será definida a partir de estudos feitos pela Comissão de Saúde que orientará o governador sobre duração das medidas de distanciamento.

De acordo com Santana, o Ceará recebeu hoje mais 15 respiradores enviados pelo Ministério da Saúde. Ontem, 20 UTIs haviam sido repassadas pelo Governo Federal. Ele informou ainda que o Ceará está realizando cerca de 700 testes de coronavírus por dia e que deseja a ampliação do número. "Queremos chegar aos 1000 exames diários, mas repito a dificuldade de aquisição dos testes". A Covid-19 já chegou a pelo menos 87 municípios cearenses.

O chefe do Executivo Estadual revelou que fez novas reuniões com o setor produtivo para buscar soluções que amenizem o efeito da pandemia e garantam a manutenção dos empregos. Mas adiantou que não tomará decisões sem orientação de especialistas e destacou a importância da Ciência. Em tempo, criticou a propagação de notícias falsas no atual momento de crise. "Qual o interesse? É um oportunismo muito grande de algumas pessoas que querem se aproveitar da boa vontade da população neste momento", disse.

Segundo dados da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), confirmados pelo governador na tarde deste sábado, a doença já infectou ao menos 3.062 pessoas e causou 180 mortes. Deste total, 2,5 mil casos estão em Fortaleza, seguida de longe por Caucaia, com 77 registros, e Maracanaú com 63 confirmações.


O Povo

PM PRENDE ACUSADO DE TRÁFICO DE DROGAS EM GROSSOS-RN

Sábado, 18 de Abril de 2020


A Policia Militar da cidade de Grossos, comandada pelo Sgt Mora, prendeu na manhã de hoje, 18 de abril, um elemento suspeito de envolvimento com o trafico e drogas na cidade. Outro fugiu ao perceber a chegada da policia.

Segundo o Sgt Moura, no Departamento de policia da cidade havia várias denuncias relatando a atividade suspeita, numa residência localizada na Rua Raimundo Gonçalves de Oliveira.

Na manhã de hoje, os policiais resolveram checar as informações e quando chegavam ao local, perceberam Otavio Deangeles da Silva Conrado, “Tavinho” de 28 anos de idade, fugindo pelos fundos da residência, deixando para trás Tiago Wanderson da Costa Lima “Choque” de 23 anos, que foi preso em flagrante com munições de revolver e mais de um quilo de maconha.

Tiago Wanderson da Costa Lima foi encaminhado a Delegacia de Plantão em Mossoró para os procedimentos.

Mossoró: Governo firma parcerias para 100 novos leitos no enfrentamento à Covid-19

Sábado, 18 de Abril de 2020

O Governo do Estado, em mais uma ação para garantir o atendimento da população neste momento de crise causada pela pandemia do novo coronavírus e com o objetivo de preservar e salvar vidas, firmou parcerias para implantar 100 novos leitos hospitalares destinados ao enfrentamento da Covid-19 em Mossoró, que vão ficar sob a gestão da APAMIM (Associação de Proteção à Maternidade e à Infância de Mossoró).

A implantação dos 100 novos leitos hospitalares para atendimento a pacientes da Covid-19 foi definida através da assinatura, nesta quinta-feira, 16, de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) entre o Governo do Estado, o Ministério Público do RN, o Ministério Público do Trabalho, a Prefeitura de Mossoró e a APAMIM.

Os leitos serão abertos obedecendo uma lógica progressiva para racionalizar a despesa pública.

A APAMIM vai gerenciar e ofertar até 35 leitos de UTI adulto e até 65 leitos clínicos para retaguarda, totalizando os 100 leitos hospitalares para casos suspeitos e confirmados de Covid-19 que vão funcionar no prédio do Hospital São Luís, em Mossoró, por um prazo de quatro meses no valor de R$ 260 mil mensais.

Estado, Prefeitura de Mossoró e APAMIM vão elaborar e implantar um protocolo técnico de atendimento específico para atendimento a pacientes da Covid-19, assim como um plano de operação além da distribuição de dados, informações e cooperação, além de métodos e apoio logístico cooperado de recursos humanos. E, também, assegurar as condições de saúde e segurança de todos os trabalhadores que vão atuar no atendimento a pacientes da Covid-19.

Pelo acordo firmado entre o Governo do Estado e APAMIM, e atestado pelo TAC, a Associação se compromete a inserir os leitos de UTI do Hospital São Luís na Central de Regulação do Município de Mossoró, conforme fluxo de atendimento estabelecido pelo ente municipal em seu plano de enfrentamento à Covid-19.

A APAMIM também ficará responsável por regular os leitos clínicos no Hospital São Luís, por meio do NIR (Núcleo Interno de Regulação) obedecendo ordem de classificação de risco estabelecida em âmbito central de Regulação do Município de Mossoró, conforme fluxo e protocolo de regulação de “leitos COVID” estabelecido pela Secretaria Estadual de Saúde – SESAP/RN.

Pelo TAC firmado, a APAMIM será responsável pela garantia dos profissionais que inclui equipe de enfermagem – enfermeiros e técnicos de enfermagem necessária para o funcionamento dos 100 leitos contratados, e garantirá o abastecimento de medicamentos, insumos médicos-hospitalares e EPIs, como ainda vai dar suporte de lavanderia e alimentação às equipes e aos pacientes, e toda a estrutura para a realização de exames e diagnóstico de Raio X, tomógrafo e análises clínicas.

Pelo TAC, a APAMIM deve apresentar prestação de contas mensal dos recursos repassados pelo Governo do Estado.
A Prefeitura de Mossoró, em sua parte do contrato, fará repasse imediato de R$ 594 mil reais, oriundos de rubrica orçamentária complementar extraordinária à APAMIM com destinação e uso para o enfrentamento da Covid-19 e parcelas mensais pós-fixadas de até R$ 4,1 milhões com recursos do SUS.

O Estado, por sua vez, vai fazer repasses por meio da Secretaria Estadual de Saúde, a título de fomento e incentivo pelas ações de contratação e gerenciamento de recursos humanos, de R$ 186 mil, por dois meses, oriundos de rubrica orçamentária complementar remanejada para as ações de combate ao COVID-19, a ser indicado no respectivo ato de empenho e liquidação dos recursos, em decorrência da necessidade de promoção e desenvolvimento de suplementação temporária, em caráter emergencial, de recursos humanos na área da saúde alocados nos leitos de UTI do Hospital Regional Tarcísio Maia.

Tanto o Governo do Estado quanto a Prefeitura de Mossoró deverão criar uma Página de Transparência exclusiva para a divulgação das despesas relacionadas ao combate à Covid-19 com empenhos, contratos, fornecedores e demais informações decorrentes do dever de transparência.
OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Ciço
    Parabéns aos gestores.
    • Dulce
      Obrigado a Bolsonaro por liberar o dinheiro, se não estávamos f*****. Ele liberando o dinheiro, está esse chove não molha. Um enrola aqui pra ver se sai uma urêa alí

Médico potiguar contesta causa das mortes de bebê e criança no RN por coronavírus




Imagem: reprodução/Twitter

Em seu perfil no Twitter, o médico Mádson Vidal, diretor da Associação Amigos do Coração da Criança – AMICO contestou as razões pelas quais teriam falecido um bebê e uma criança no Rio Grande do Norte.

Para o médico, não teria sido o coronavírus o causador dos óbitos que mencionou, um ocorrido no Hospital Santa Catarina e outro “numa sala vermelha inadequada e improvisada no Maria Alice”, hospital que fica no Parque dos Coqueiros, Zona Norte de Natal.

O Rio Grande do Norte possui dois óbitos de crianças confirmados pelo coronavírus, segundo a Secretaria de Estado e Saúde Pública-Sesap. Um bebê recém-nascido e outra criança de 1 ano e 7 meses.



OPINIÃO DOS LEITORES:
  1. Hg
    Tá havendo uma cachorrada em todo Brasil.
    Morre gente de outras doenças e MÉDICOS, estão dando laudo da causa de morte, por corona vírus.
    Já existe vários casos denunciados.
    Aqui no RN já tem Denuncia.
  2. Dilermando
    Como se pode torar proveito de uma situacao desta. parabéns. Dotor.
  3. Dani
    Em outros países foram registrados mortes de crianças e bebês, mas só aqui no Brasil as pessoas duvidam 🤦🏾‍♀️
  4. Helio
    Grande doutor Madson um profissional respeitado na área de medicina concordo com o senhor
  5. Brasil e RN acima de tudo
    Ato irresponsável desse médico, postar algo baseado no achismo.
    • Justus
      Mas todo mundo aqui dá opinião sobre política sem entender nada e palpite em relações internacionais sem saber o mínimo. Acreditam em tudo que sai no jornal. Aí pode.
  6. .40
    Ele diz "na minha opinião", esse médico baseia seu "laudo" no achismo? É isso mesmo? Se ele tiver provas no que diz, ótimo, se não é melhor ficar calado para não ficar aumentando o caos e a incerteza.
  7. Luiz Costa
    Dr.Mádson Vidal, um Homem de bem! Que passa longe dos conchavos e chafurdos partidários.
  8. César
    Parabéns Doutor!! O senhor deu a cara a tapa pra falar o q muita gente pensa mas não é competente para afirmar isso.
  9. Lucas
    A prova que tem é o teste positivo. O achismo desse médico de nada muda o protocolo
    • Natalense
      Ele não disse que não tinham, mas que obviamente não foi o que causou a morte. No caso do prematuro, a atribuição do governo foi ridícula, nenhum médico acredita.
    • Manoel
      Se meu exame der positivo pra covid e eu pular da ponte; morrerei de covid? Se meu exame der positivo e eu for atropelado; morrerei de covid? O médico disse o óbvio: as duas crianças não morreram DE covid, morreram COM covid! Eh diferente!
    • Cidadão brasileiro
      Foi realizado a necropsia com exames em todos os órgãos? Caso não tenha sido realizada, não será possível afirmar que foi provocada por COVID19. Simples.

Moradores de Fernando de Noronha só poderão sair de casa com autorização por SMS

Sábado, 18 de Abril de 2020

Foto: Agência Brasil

Os moradores de Fernando de Noronha só vão poder sair de casa após receberem uma autorização encaminhada por mensagem de texto para o celular.

Ontem, o governo de Pernambuco anunciou quarentena obrigatória entre os dias 20 e 30 de abril. Dados oficiais apontam que há 24 pessoas na ilha com a covid-19. Elas estão em isolamento domiciliar.

Hoje, o administrador de Fernando de Noronha, Guilherme Rocha, explicou que os moradores estão recebendo pelo aparelho telefônico um link para preenchimento de um formulário indicando o motivo e a data de quando precisa sair da residência.

Em 24 horas, a Administração de Fernando de Noronha promete responder com a permissão ou a negativa. As pessoas que estiverem na rua vão ser abordadas por policiais militares e precisam mostrar a permissão.

Rocha informou que alguns moradores não possuem celular e que, nestes casos, eles podem ligar para telefones disponíveis da equipe de atendimento social da ilha.

“Essas pessoas que não possuem celular ou tenham aparelhos que não comportem receber este tipo de mensagem vão receber uma autorização física e precisam portá-las ao sair de casa”, afirmou.

Conforme decreto, a circulação de pessoas em Fernando de Noronha só será autorizada para atendimento de necessidades essenciais e imediatas de aquisição de gêneros alimentícios, de remédios, de produtos de higiene e também para obtenção de socorro médico.

Em toda a extensão do arquipélago, as atividades de pesca ficam restritas a grupos de 3 pessoas por embarcação, condicionadas à autorização prévia.

“Estamos empenhados em prestar todo o apoio à população e dar condições para que elas possam ficar em casa com as necessidades básicas garantidas”, afirmou o administrador de Fernando de Noronha, Guilherme Rocha.

A presidente do Conselho de Turismo da ilha e secretária-executiva da Associação dos Pousadeiros de Fernando de Noronha, Auxiliadora Costa, cobra teste de toda a população. “As pessoas aqui já estão em casa. Temos uma população pequena e é possível testar todo mundo”, diz.

Ela afirma que os pousadeiros precisam urgentemente de uma linha de crédito. “Sobrevivemos do turismo. Precisamos de resposta e planejamento”, alega.

De acordo com o secretário estadual de Saúde, André Longo, a quarentena obrigatória é necessária pelas características de isolamento da ilha.

“Fernando de Noronha requer uma atenção especial por causa da dificuldade de acesso e da limitação de recursos de saúde existentes no local. Estamos enviando uma equipe com seis sanitaristas, com o apoio do Ministério da Saúde, para um estudo epidemiológico completo do caso”, concluiu André Longo.

Valor Econômico

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055