martins em pauta

sábado, 17 de agosto de 2019

Metrô de SP emprega influenciadora acusada de ser funcionária fantasma no RN, diz jornal

Sábado, 17 de Agosto de 2019


Fernando de Noronha numa quarta-feira de julho, Trancoso numa segunda de janeiro, Uberlândia numa quinta de março e Noronha de novo numa terça-feira de setembro.

Segundo o Ministério Público, durante ao menos cinco anos, esse era o padrão de viagens de Janine Faria, 33, filha do ex-governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD), e irmã do deputado federal Fabio Faria (PSD), enquanto deveria estar trabalhando na Assembleia Legislativa potiguar.

Hoje respondendo a uma acusação de improbidade administrativa por supostamente ter sido funcionária fantasma, Janine é uma das mais novas assessoras comissionadas do Metrô de São Paulo, com salário de R$ 14.212. Seu emprego na estatal ligada ao governo João Doria (PSDB) foi aprovado por um diretor do Metrô e por dois secretários de Estado, como outros casos de cargos comissionados.(mais…)

Fonte: Blog do Jair Sampaio

ADPF vê com preocupação a aprovação do PL 7596/17

Sábado, 17 de Agosto de 2019


A Associação dos Delegados de Polícia Federal comunica a todos os Delegados de Polícia Federal, demais colegas de trabalho e ao público em geral que irá participar da manifestação a favor do veto ao Projeto de Lei n. 7.596/2017, conhecido como Lei de Abuso de Autoridade, a se realizar segunda-feira, dia 19/08, na Câmara Municipal de Natal, às 10h, em conjunto com a Associação dos Delegados de Polícia Civil do RN (ADEPOL), Associação do Ministério Público do Estado do RN (AMPERN), Associação dos Magistrados do RN (AMARN), dentre outras entidades.

Na visão dos Delegados de Polícia Federal esse Projeto, na forma como foi aprovado, causará sérios prejuízos ao combate à criminalidade organizada e ao desvio de recursos públicos no País, porquanto não detalha condutas de forma clara e determinada, deixando sob o risco da subjetividade e da falta de critério definido atuações legítimas, que podem ser taxadas como abuso de autoridade. Se for sancionado, esse projeto vai gerar danos irreparáveis às investigações, na medida em que intimidam as autoridades envolvidas na perscrutação de detentores do poder público e econômico que venham a se envolver em atividades criminosas.

Fonte: Blog do Jair Sampaio

JOVEM BALEADO NO BAIRRO SUMARÉ EM MOSSORÓ MORRE NO HRTM

Sábado, 17 de Agosto de 2019



Lucas Sinésio da Silva de 24 anos de idade, residente na Rua Brasiliana de Jesus no bairro Belo Horizonte, foi baleado dentro de casa na madruga de 09 de agosto, no Bosque dos Pássaros no Alto do Sumaré, morreu no final da manhã de hoje, 17, no Hospital Regional Tarcísio Maia. Segundo informações, Lucas estava numa residência, na Rua Maria Linhares Nogueira no residencial Bosque dos Pássaros, na companhia de Mauricio Mateus Freitas e Silva, de 21 anos que foi assassinado no local. Mesmo ferido, Lucas Sinesio conseguiu fugir pulando os muros das residências e pediu socorro. Veja: Criminosos invadem casa matam um e ferem outro no Sumaré na madrugada de hoje Lucas Sinésio da Silva, não resistiu a gravidade dos ferimentos provocados pelos tiros e morreu, por volta das 09h da manhã de hoje. O corpo foi removido para exames de necropsia na Unidade Regional do Itep em Mossoró e deverá ser liberado ainda na tarde de hoje.


O Câmera / Passando na Hora

Colisão entre carro e caminhão deixa dois mortos na BR-116, no trecho de Jequié

Sábado, 17 de Agosto de 2019

Foto: Blog do Anderson / Divulgação

Uma colisão entre um carro e um caminhão, na tarde desta sexta-feira (16), deixou dois mortos na BR-116 no trecho entre Manoel Vitorino e Jequié, no Centro Sul Baiano.

De acordo com o Blog do Anderson, o carro tinha quatro ocupantes. Duas pessoas ficaram feridas e foram levadas para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié.

Os corpos foram removidos ao Necrotério do Departamento de Polícia Técnica em Jequié. A Polícia Rodoviária Federal e a Via Bahia Concessionária de Rodovias registraram a ocorrência.

PSL terá triagem eletrônica para evitar ex-petistas como seus candidatos e dirigentes

Sábado, 17 de Agosto de 2019


por Carolina Linhares | Folhapress
Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil


O programa de compliance do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, terá um controle para evitar que pessoas antes ligadas a siglas de esquerda sejam candidatos ou integrem diretórios regionais da legenda. Reportagem da semana passada da Folha de S.Paulo mostrou que, segundo levantamento feito pela reportagem com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral, dos 271 mil filiados ao PSL, cerca de 10,6 mil (4%) já estiveram em siglas identificadas com a esquerda, como PT, PDT, PSB, PSOL, PC do B, PCB, PSTU e PCO. 

Já entre os 145 políticos que o PSL elegeu nas eleições de 2018, 78 estiveram em outras siglas antes. Destes, 19 passaram por partidos de esquerda. O compliance, comum no mundo corporativo, representa uma série de procedimentos e normas para assegurar a conduta ética. No PSL, a ideia é implementar o modelo nos próximos 15 dias. 

No âmbito desse programa, haverá um sistema eletrônico para fazer uma triagem ideológica dos membros do PSL. O fato de terem sido de outros partidos não impedirá, porém, a filiação no PSL. No caso da massa de filiados, que o presidente Luciano Bivar (PSL-PE) quer fazer chegar a um milhão até as eleições de 2020, a direção partidária não exercerá controle rigoroso. 

Haverá regras, contudo, para aqueles que queiram se candidatar pelo PSL ou que façam parte dos diretórios do partido. Nesses casos, a triagem analisará dois fatores, segundo o deputado federal Luiz Philippe de Orléans e Bragança (PSL-SP).

Primeiro, não poderão estar filiados a outro partido que não o PSL (há casos de membros de diretórios filiados a outras siglas). Também não poderão ter sido filiados ou terem tido qualquer envolvimento com partidos de esquerda nos últimos cinco anos. 

"Isso é uma medida de segurança. Porque o jogo [na última eleição] foi muito desleal, extremamente destrutivo. Não tem como reconciliar isso. A população também já não aceita mais esse troca-troca partidário, de sair de uma ideologia e ir para outra. A população está rigorosa, então temos que entregar um partido com essa mesma medida", diz o deputado. 

Isso não significa que aqueles que já foram simpatizantes da esquerda não terão espaço no PSL. O partido avaliará caso a caso para preservar quem de fato se arrependeu e mudou de ideia. O partido tem hoje uma série de parlamentares que já estiveram em siglas de esquerda, inclusive dois deputados estaduais que foram do PT. Os deputados federais Coronel Tadeu (PSL-SP) e Soraya Manato (PSL-ES) e o senador Major Olímpio (PSL-SP) têm passagens pelo PDT. 

Outra regra, que vai valer para filiados, pré-candidatos e dirigentes partidários, é que não sejam condenados em segunda instância por crimes como estelionato, latrocínio, pedofilia, assédio sexual ou agressão à mulher.A iniciativa de tornar o partido mais coerente e vinculado a sua base é patrocinada por Bolsonaro. Foi a partir de uma reclamação do presidente sobre ataques a seu governo deferidos pela própria bancada do PSL que Bivar deflagrou a expulsão do deputado Alexandre Frota (ex-PSL-SP). 

Em entrevista à Folha de S.Paulo, Frota afirmou que o próprio Bivar lhe disse que Bolsonaro havia pedido sua expulsão. "O Luciano Bivar, meu amigo pessoal, ficou entre a cruz e a espada", disse Frota. Bivar e Bolsonaro têm tido discordâncias em relação à condução do PSL. O presidente não participará de eventos da campanha nacional de filiação que ocorrerão no sábado (17). 

Para a deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP), "a expulsão do Frota por ele ter sido contra a política presidencial [de Bolsonaro] indica que Bivar está caminhando para tornar o PSL um partido de direita efetivamente". Zambelli diz que o PSL tem espaço para críticas ao presidente, mas que Frota o fez de forma generalizada. "Criticar de forma generalizada é desaprovar a política ideológica", afirma. 

A deputada defende uma blindagem do PSL contra aqueles que defendem outras ideologias, mas diz que o partido deve dar espaço a quem "foi para o PT acreditando num discurso de honestidade e se decepcionou". O deputado Luiz Philippe diz que a intenção da triagem é que o PSL siga adiante "dando uma purificada e evitando os oportunistas". 

"Não adianta pregar nós vamos ter um milhão [de filiados] e seja lá quem for, não é assim", diz o deputado Tadeu. "Mas não pode ser um filtro binário. O próprio Datena [que era filiado ao PT], hoje odeia a esquerda. A esquerda tinha projeto e muita gente foi achando que seria bom, mas o tempo mostrou que era uma porcaria."

O líder da bancada do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO), diz que o partido não fará caça às bruxas. "O PSL é democrático, não temos essa intransigência eleitoral." A deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) diz que "o fato de a pessoa ter sido ligada a algum partido não é impedimento por si só". 

"Tem que ver se a pessoa é a alinhada às pautas do PSL. Se chega dizendo que é conservadora, contra ideologia de gênero, pela escola sem partido, contra desarmamento, mas começa a defender outras coisas, aí não pode ficar no partido", completa.

“Vestibular” da UFRN abre inscrições a partir de segunda-feira para 448 vagas residuais

Sábado, 17 de Agosto de 2019



Foto: via site da UFRN

O Núcleo Permanente de Concursos (Comperve) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) abriu Processo Seletivo para Reocupação de Vagas Residuais para ingresso nos cursos de graduação da instituição de ensino. Ao todo, serão oferecidas 448 vagas, distribuídas nos campi de Natal, Caicó, Currais Novos, Macaíba e Santa Cruz.

Podem candidatar-se às vagas quem possui vínculo ativo em cursos de graduação, candidatos portadores de diploma e ex-alunos de graduação da UFRN. As inscrições devem ser realizadas pela internet, a partir das 8h de segunda-feira(19) até às 23h59 do dia 9 de setembro. O processo seletivo será composto por prova escrita objetiva de Língua Portuguesa e Matemática, redação e prova de títulos.

As vagas residuais são geradas por cancelamentos de curso, conforme o Regulamento dos Cursos Regulares de Graduação da UFRN.


Com informações da UFRN

Fonte: Blog do BG

Exército libera uso de armas de uso restrito para civis e veta liberação de fuzis

Sábado, 17 de Agosto de 2019


O Comando do Exército define quais calibres passam a ser considerados de uso permitido no Brasil, disciplinando o decreto das armas do presidente Jair Bolsonaro. A lista confirma que civis, agora, podem ter acesso a munições antes classificadas como de uso restrito (9 mm, .40 e .45), mas veta a liberação de fuzis.

Bolsonaro já havia assinado em maio um decreto que aumentava o rol de armamentos que poderiam ser comprados por cidadãos comuns. Para isso, o governo federal amplicou o limite de energia de disparo de 407 para 1.620 joules, o que permitia acesso a uma série de calibres usados apenas por forças policiais.

A regra, porém, provocou polêmica: o aumento da potência abria brecha para obter alguns tipos de fuzis. Questionado na Justiça e alvo de derrotas no Congresso, o decreto ganhou novas versões depois.

Na última edição de junho, o governo incorporou regra de que o Exército iria definir, arma a arma, qual deveria ser restrita ou permitida. Esta portaria foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (15).


PRF determina cumprimento da suspensão e recolhimento dos radares móveis nas estradas federais

Sábado, 17 de Agosto de 2019

radares
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) emitiu, nesta quinta-feira 15 de agosto de 2019, um ofício que determina o cumprimento imediato da suspensão da fiscalização feita por radares estáticos, móveis e portáteis nas estradas federais de todo o país.
Por meio de nota, a PRF informou que esta decisão administrativa determina que todos os gestores e servidores da polícia adotem as providências necessárias para o imediato cumprimento da decisão administrativa da Presidência da República, publicada no Diário Oficial da União, nesta quinta-feira (15).
A ordem prevê interrupção do uso e o recolhimento dos medidores de velocidade, até que o Ministério da Infraestrutura conclua a reavaliação da regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas.
De acordo com a norma publicada no Diário Oficial da União, a medida tem por objetivo “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.
No Rio Grande do Norte, a PRF determinou a suspeito da fiscalização por radares, nas estradas federais do estado, a partir desta quinta feira (15). Vale lembrar que esta medida não vale para radares fixos, que vão continuar funcionando. A suspensão se aplica aos seguintes radares:
  • * Estático: instalado em veículo parado ou sobre suporte
  • * Móvel: instalado em veículo em movimento
  • * Portátil: direcionado manualmente para os veículos

Fonte: Fim da Linha

[VÍDEO] EM FUGA, ASSALTANTE ATROPELA PAI E FILHO NO RN, TROCA TIROS COM PM E MORRE

Sábado, 17 de Agosto de 2019

Pai e filho de 7 anos foram atropelados mas foram socorridos para o Hospital Walfredo Gurgel e passam bem


Foto;Reprodução/Vídeo

A noite desta quinta-feira (15) foi marcada por tensão na Zona Oeste de Natal. Durante uma perseguição policial a bandidos que roubaram um carro e fizeram assaltos pela região, houve troca de tiros, capotamento, policial ferido, e pai e filho atropelados e um dos criminosos acabou morto em confronto. O vídeo abaixo mostra o momento em que os assaltantes atropelam o homem e a criança.

A perseguição começou por volta das 21h, no bairro Planalto, na Zona Oeste da cidade, após a PM receber a informação de que bandidos armados haviam roubado um posto de combustíveis na Cidade da Esperança. O carro em que os assaltantes estavam, também roubado, havia sido tomado de assalto na noite anterior, no bairro do Alecrim.

“O carro dos criminosos foi localizado no Planalto, e a perseguição começou. Durante a fuga, os assaltantes atropelaram um motociclista e o filho dele, mas não pararam. Já no Km 6, nas proximidades do Guarapes, eles tentaram furar a barreira que havíamos montado para impedir a passagem, e eles bateram em uma das nossas viaturas. Um policial se feriu, mas não foi nada grave. Na colisão, o carro em que os assaltantes estavam capotou. Foi quando um dos criminosos saiu do veículo atirando. Houve revide e ele foi baleado. O segundo, conseguiu fugir em meio a um matagal”, relatou o tenente-coronel Eduardo Franco, assessor de comunicação da PM.

O assaltante baleado foi identificado como Mateus Vinícius de Souza, de 17 anos. Ele ainda foi levado ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu. A arma usada por ele foi apreendida e com ela várias munições deflagradas. Dentro do carro roubado os policiais encontraram dinheiro e dezenas de munições intactas.

Já as vítimas do atropelamento, um homem de 40 anos e o filho dele, um menino de 7, chegaram ao hospital conscientes. Ambos sofreram pequenas escoriações, apesar da força da batida.

Carro capotado havia sido roubado na quarta-feira — Foto: PMRN/Divulgação

Fonte: Passando na Hora

Apreensão de cocaína é a maior da história dos portos no Ceará

Sábado, 17 de Agosto de 2019

330 quilos de cocaína apreendidos no Porto do Mucuripe

A droga estava em dez sacolas e seria embarcada para a Europa. Agentes da Receita Federal descobriram a cocaína após informações recebidas de escritório internacional de fiscalizaçãoPor Cláudio Ribeiro

Agentes da Receita Federal fizeram na manhã desta sexta-feira a maior apreensão de cocaína já feita em portos do Ceará. Uma carga de 330 quilos da droga foi descoberta por agentes da Receita Federal, numa inspeção feita em contêineres no pátio do porto do Pecém, na Região Metropolitana de Fortaleza.

A droga foi encontrada após informações trocadas entre os agentes da Receita e organismos internacionais de inteligência que monitoram cargas ilícitas em portos pelo mundo. O valor estimado da cocaína encontrada seria de pelo menos R$ 49 milhões, segundo os agentes no local.

Droga entre produtos de origem animal

A droga estava acondicionada em dez sacolas pretas, semelhantes a bolsas de viagem, que foram inseridas dentro de um carregamento de produtos agrícolas de origem animal e que seria embarcada para a Europa. O porto de desembarque não foi confirmado.

O exportador foi avisado da situação - mas, a princípio, estaria sendo responsabilizado pela presença da droga. O nome da empresa também não foi divulgado.

Agentes da Receita Federal ainda estão no pátio do Porto examinando outros contêineres e verificando a possibilidade de mais cocaína. Um segundo contêiner, com uma carga de sucata de ferro e alumínio, foi escaneado e teria sido detectado um volume com densidade diferente do que estava descrito na documentação. Seria aberto ainda hoje, com a possibilidade de uma quantidade ainda maior da droga. Mas a verificação poderá poderá se estender ao longo do sábado.

Os agentes ainda não teriam informações de quando a cocaína descoberta hoje entrou no pátio do porto. A apuração do setor de inteligência da Receita estaria com informações de que a cocaína partiria de fato do Ceará - não teria sido desembarcada para novo embarque a partir do Pecém.

O POVO Online apurou que foram feitos pelo menos dois escaneamentos da carga até que fossem encontradas as sacolas com a droga. Na primeira vistoria, nada foi verificado. Só após as informações repassadas do Exterior, a droga foi visualizada, em densidade diferente à carga presente. Foram feitas duas baterias de narcotestes que confirmaram a substância.

Em fevereiro deste ano, O POVO divulgou uma outra carga de cocaína descoberta no porto do Mucuripe, que havia sido encontrada em outubro do ano passado. Na ocasião, foram 20 quilos da droga, escondidas dentro do motor de um contêiner refrigerado, que seriam embarcados num contêiner para o Caribe.

Estava errado: a apreensão foi no Porto do Pecém, não no Mucuripe

Fonte: O Povo

PIS/PASEP: Benefício para nascidos em agosto já está liberado

Sábado, 17 de Agosto de 2019


O abono salarial do calendário 2019/2020 do Programa de Integração Social (PIS ) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), para os beneficiários nascidos em agosto, já está liberado desde essa quinta-feira (15).

Os trabalhadores com inscrição no PIS recebem na Caixa Econômica Federal. De acordo com o banco, o valor total disponibilizado para os nascidos em agosto é de R$ 1,4 bilhão destinado a 1,6 milhão de beneficiários. O trabalhador com inscrição no Pasep recebe o pagamento no Banco do Brasil.

O dinheiro do benefício pode ser sacado até 30 de junho de 2020 e pode ser consultado, no caso do PIS, pelo Aplicativo Caixa Trabalhador, no site do banco (www.caixa.gov.br/PIS) ou pelo telefone 0800 726 0207.

Os titulares de conta individual na Caixa, com cadastro atualizado e movimentação na conta, recebem o crédito de forma automática.

Tem direito ao benefício o trabalhador inscrito no PIS ou no Pasep há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias, em 2018, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.

É necessário ainda que os dados estejam corretamente informados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais), ano-base 2018.


(Agência Brasil)

Caixa-preta do BNDES: Bolsonaro denuncia R$2 bilhões para jatinhos e responde Luciano Huck

Sábado de Agosto de 2019


Em coletiva de imprensa, o presidente Jair Bolsonaro anunciou a abertura do sigilo de mais dados do BNDES e denunciou o uso de R$2 bilhões para a compra de jatinhos para “amigos do rei”.

“Semana que vem, vai ser aberto o sigilo de tudo. Se não me engano, foram gastos R$2 bilhões para a compra de jatinhos. Parece que não foi ilegal. Taxa de juros entre 3 e 4% ao ano. Quem foi beneficiado? Amigos de Lula e Dilma. Amigos do rei”, frisou.

“O Huck falou que eu sou o último capítulo do caos. Se ele comprou jatinho, ele participou do caos. Ajudou no empréstimo para “amigos” de quase meio trilhão de reais. Os amigos: Fidel Castro, ditador da Venezuela, Angola. No Brasil, R$2 bilhões para jatinhos de amigos. Para conseguir R$10 mil em um banco, tem de deixar até as cuecas como garantia”, asseverou o chefe de Estado.

“Se porventura estiver lá, não fica arrotando honestidade, não, pois o bicho vai pegar”, advertiu.
Veja o Vídeo.
 
Fonte: News Atual

Receita Federal agiu corretamente ao investigar as mulheres de Toffoli e Gilmar

Sábado, 17 de Agosto de 2019


“São claros os indícios de desvio de finalidade na apuração da Receita Federal, que, sem critérios objetivos de seleção, pretendeu, de forma oblíqua e ilegal, investigar diversos agentes públicos, inclusive autoridades do Poder Judiciário, incluídos ministros do Supremo Tribunal Federal, sem que houvesse, repita-se, qualquer indício de irregularidade por parte desses contribuintes”, alegou Moraes.

A determinação ocorreu no âmbito do autoritário, ditatorial e indigerível inquérito em que o STF, à revelia do Ministério Público, investiga, julga e pune. Receio, porém, que o ministro e o STF estejam, mais uma vez, desinformados, tal como aconteceu quando censuraram, de forma atrapalhada, a revista eletrônica Crusoé, por imaginar que continha fake news.

Segundo o jornalista Gil Castello Branco
Na verdade, os procedimentos adotados pela Receita Federal, entretanto, foram oportunos, técnicos e impessoais.

Em março de 2017, a Receita Federal constituiu (Portaria Copes nº 7) a Equipe Especial de Programação de Combate a Fraudes Tributárias/EPP-Fraude, para ampliar a prospecção de indícios de fraudes. Com base em metodologia amplamente descrita, e em critérios extremamente objetivos, lançou uma rede de pesca digital sobre mais de 800 mil agentes públicos, abrangendo cônjuges, dependentes, parentes até segundo grau, sócios e empregados domésticos.

O alvo inicial foram os CPFs com patrimônio acima de R$ 5 milhões, aumento patrimonial e rendimentos isentos maiores do que R$ 500 mil e dinheiro em espécie acima de R$ 100 mil. Corte adicional no valor de rendimentos isentos superiores a R$ 1 milhão permitiu a identificação de 799 contribuintes.

Fonte: News Atual

General Paulo Chagas é duro na crítica sobre o projeto aprovado ontem na câmara: “LEI DO ABUSO DE AUTORIDADE ou APOLOGIA À IMPUNIDADE?”

Sábado, 17 de Agosto de 2019


General paulo Chagas não poupou criticas ao projeto de lei aprovado ontem pela câmara de deputados.

General disse:

LEI DO ABUSO DE AUTORIDADE ou APOLOGIA À IMPUNIDADE?? O Presidente BOLSONARO, coerente com o seu discurso de campanha e com o perfil dos que nele confiaram e votaram vai vetar integralmente este crime de lesa Pátria!! “PÔ-HÁ”!!!
Em outra publicação  o general disse:
VERGONHA! ARMAÇÃO! O Congresso Nacional continua o mesmo! Quem já estava lá não mudou! Dos que chegaram agora, só quem se dispõe a não cometer crimes votou contra a LEI DO ABUSO DE AUTORIDADE, ou seja, um número insuficiente para impedir a formação e a manutenção das QUADRILHAS!
Fonte: News Atual

Renan comemora a aprovação da Lei de Abuso de Autoridade, mas recebe resposta imediata de Zambelli

Sábado, 17 de Agosto de 2019


O senador Renan Calheiros é possivelmente o homem mais odiado da República.

Elege-se graças ao cabresto que, lamentavelmente, ainda impera em Alagoas.

Campeão em falcatruas e em inquéritos adormecidos no Supremo Tribunal Federal (STF).

Num país sério seria isolado por sua alta periculosidade.


No Brasil ele comemora a aprovação da Lei de Abuso de Autoridade, uma excrescência feita sob medida para a bandidagem, a fim de intimidar os homens da lei.

E assim tuitou Renan:
“Com a lei de abuso de autoridade não haverá mais usurpação de competências das Cortes superiores pela 1ª instância, como ocorreu com Lula e até com Flávio Bolsonaro.”
A resposta imediata da diligente deputada Carla Zambelli veio recheada de ironia, mas certeira:
“Querido, não comemore ainda. O nosso presidente Jair Boolsonaro vai vetar. E logo você estará na cadeia, enjaulado.”
da RedaçãoFonte: Jornal da Cidade Online

Ministro da Educação desmente Folha e anuncia ampliação da vagas para o ensino médio em tempo integral

Sábado, 19 de Agosto de 2019


Nesta quinta-feira (15), o ministro da Educação, Abraham Weintraub utilizou o Twitter para desmentir, segundo ele, mais uma Fake News divulgada pelo jornal Folha de S.Paulo.
Ao contrário do que foi divulgado pela Folha o Ministério da Educação (MEC) planeja ampliar a quantidade de vagas para o ensino médio em tempo integral.

Esta é uma das medidas anunciadas no Compromisso Nacional pela Educação Básica, em julho. A meta inicial da pasta é atingir 500 mil novas matrículas até 2022 – hoje são 230 mil.

A proposta do programa, criado em 2016, é ampliar a carga horária do ensino médio de 4 para, no mínimo, 7 horas diárias. Um total de 1.024 escolas participa. O MEC já disponibilizou R$ 338 milhões para as instituições de ensino em 2019.
“Estamos estudando a criação de mais um caminho para aumentar a oferta de vagas em tempo integral. É o contrário do que foi veiculado por alguns veículos de comunicação”, disse o secretário-executivo do MEC, Antonio Paulo Vogel.
da RedaçãoFonte: Jornal da Cidade Onloine

Governo Bolsonaro libera R$ 2,8 mi para hospital universitário e maternidade em SSA

Sábado, 17 de Agosto de 2019 


por João Brandão
Foto: Divulgação


O governo federal, através do Ministério da Saúde, liberou R$ 2,8 milhões para dois hospitais universitários de Salvador, conforme publicação no Diário Oficial da União desta sexta-feira (16). Os recursos fazem parte do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais.

Foram destinados R$ 1,78 milhão para o Hospital Universitário Professor Edgard Santos e R$ 1,017 milhão para a Maternidade Climério de Oliveira, ambas localizadas na capital baiana.

Líder waiãpi morreu por afogamento e sem sinais de violência, aponta laudo

Sábado, 17 de Agosto de 2019

por Fabiano Maisonnave | Folhapress
Foto: Fiona Watson/Survival International

Exame realizado após a exumação do corpo do líder indígena Emyra Waiãpi, 63, não encontrou sinais de violência e apontou o afogamento como a provável causa da morte, afirma a Polícia Federal. O caso, ocorrido no mês passado, foi associado pelos waiãpis a uma invasão de garimpeiros à Terra Indígena Waiãpi, no oeste do Amapá. A morte ganhou repercussão mundial, em meio a críticas às propostas do governo Jair Bolsonaro (PSL) de abrir áreas indígenas para mineração e agricultura comercial.

"Apesar das informações iniciais darem conta de invasão de garimpeiros na terra indígena e sugerirem possível confronto com os índios, que teria ocasionado a morte da liderança indígena, o laudo necroscópico não apontou tais circunstâncias", afirma a PF. Segundo a perícia, feita pela Polícia Técnica do Amapá, a morte ocorreu entre os dias 21 e 23 de julho. O exame "não encontrou lesões de origem traumática que pudessem ter ocasionado o óbito", incluindo sinais de enforcamento na região do pescoço ou lesão por arma branca. 

No final de julho, a PF foi até o local da morte e afirmou não ter encontrado sinais de invasão por garimpeiros. Os waiãpis contestaram a conclusão e fizeram uma expedição por conta própria, quando teriam encontrado vestígios de intrusos. O próprio presidente havia colocado em dúvida o motivo da morte. "Não tem nenhum indício forte que esse índio foi assassinado lá. Chegaram várias possibilidades, a PF está lá, quem nós pudermos mandar nós já mandamos. Buscarei desvendar o caso e mostrar a verdade sobre isso aí", afirmou Bolsonaro, no final do mês passado.

Desde o início do ano, indígenas de diversas partes da Amazônia vêm denunciando o aumento da invasão de garimpeiros, incentivados pelo preço alto do metal e pela promessa de Bolsonaro de legalizá-los. Os povos mais afetados são os ianomâmis (AM/RR), mundurucus (PA) e paiter-suruís (RO), entre outros.

VÍDEO: “Faz muito bem essa decisão de acabar com esse vergonhoso sorvedouro de dinheiro dos cidadãos”, diz Boris Casoy, sobre retirada de radares móveis


Foto: Reprodução/RedeTV

Um decreto assinado nessa quinta-feira (15) pelo presidente Jair Bolsonaro suspende o uso de radares móveis usados pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em todo o país. A decisão vale até que seja concluída uma revisão das normas pelo Ministério da Infraestrutura. A PRF confirmou que todos os equipamentos serão recolhidos imediatamente. São três tipos desse tipo de radar: o estático, que fica sobre um suporte. Móvel, que é usado de uma viatura em movimento, e o portátil. Os fixos continuam multando e, nos próximos meses, 1.140 novos pardais devem ser instalados em todo país por causa de um acordo da União com o Ministério Público Federal. O presidente ainda tenta cancelar uma licitação para compra de outros 8 mil equipamentos.

“Atenção: são só os radares móveis e das estradas federais, das estaduais não. Os radares fixos continuam funcionando. Esses móveis são uteis,claro, punindo quem abusa da velocidade. Mas já há muitos anos tem servido também para alimentar uma indústria de multas. Apesar das denúncias, nenhum governo conseguiu acabar com essa violência contra os motoristas. Radares e guardas se escondem em moitas nas estradas e ai de quem não chega a um acordo. O presidente Bolsonaro faz muito bem em tomar essa decisão de acabar com esse vergonhoso sorvedouro de dinheiro dos cidadãos”, afirmou Boris Casoy no RedeTV News dessa quinta-feira (15).

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055