martins em pauta

sábado, 9 de junho de 2018

Dupla armada rouba comércio em Antonio Martins/RN

Sábado, 09 de Junho de 2018

Por volta das 06h15 deste sábado (09), ocorreu um roubo a um estabelecimento comercial tipo mercadinho, localizado no Alto da Ema em Antonio Martins/RN.


De acordo com informações, dois malévolos armados chegaram no ponto comercial renderam funcionários e clientes, em seguida subtraíram uma quantia de aproximadamente 1.000 reais e dois aparelhos celulares de duas das vítimas e antes de fugir os meliantes trancafiaram as vítimas no interior do prédio comercial, saindo com destino ignorado.

A Polícia Militar foi informada, diligências foram realizadas, porém ninguém foi identificado nem preso.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Nosso Paraná RN

Jovem é morto a tiros em Apodí na região Oeste do Rio Grande do Norte

Sábado, 09 de Junho de 2018


Um homicídio provocado por disparos de arma de fogo, foi registrado na madrugada de hoje, sábado 09 de junho de 2018, na cidade de Apodi, região Oeste do Rio Grande do Norte.
De acordo com informações da polícia local, a vítima identificada como Israel Jackson Feitosa da Silva, de 18 anos, trafegava em uma motocicleta, por volta das 03h00min, quando foi alvejado com vários tiros, e morreu na calçada de uma loja de veículos, as margens da BR 405, na área Urbana da cidade.

A Polícia informou que Israel tinha envolvimento com a Facção Criminosa "PCC" (Primeiro Comando da Capital) e era investigado em crimes contra a vida naquela cidade.

Ele havia deixado o CEDUC ha mais ou menos 90 dias, onde esteva cumprindo medida socio-educativa pela prática de homicídio. O corpo do jovem foi removido para a base do ITEP em Mossoró onde será necropsiado e depois liberado.

O crime será investigado pela equipe da Delegacia de Polícia Civil do Município de Apodi sob o comando do Delegado Rafael Câmara.
Motocicleta conduzida pela vítima dos disparos ficou no meio da pista (fotos: Sentinelas do Apodi)

Fonte: Fim da Linha

Preso pela Guarda Civil acusado de arrombar loja de informática no Centro, morre na Cadeia Pública de Mossoró-RN

Sábado, 09 de Junho de 2018

Paulo Weskley Dantas de Oliveira, 36 anos de idade, preso pela Guarda Civil, na última quinta feira 07 de junho, acusado de participar juntamente com mais três comparsas, de um arrombamento na Loja Impeério Digital, localizada na Rua Dr. Mário Negócio no Centro de Mossoró, foi encontrado morto na tarde desta sábado (09), dentro da cela na Cadeia Pública de Mossoró.

De acordo com a direção da unidade, o preso teve um surto psicótico na tarde de ontem, sexta feira (08) e para preservar sua integridade física e a dos demais colegas de cela, teve que ser colocado em uma cela individual.

Na tarde de hoje, ele foi encontrado caído sem vida. O socorro médico do Samu foi acionado para o local e constatou o óbito do detento.

A equipe do Instituto Técnico Científico de Perícia (ITEP), Unidade Regional de Mossoró, foi até a Cadeia Pública e após periciar o corpo no local, removeu o cadáver para sua base e encaminhado ao setor de Medicina Legal, que fará os procedimentos de necropsia.

A perícia não identificou nenhum sinal de violência no corpo, mas somente após os exames de necropsia é que se poderá ter uma posição em relação a causa da morte do detento.

Fonte: Fim da Linha

PM é morto com tiros na cabeça na Zona Norte de Natal

Sábado, 09 de Junho de 2018

Um policial militar morreu depois de ser atingido por tiros na cabeça em uma loja de material de construção no bairro Nova Natal, Zona Norte da capital, na tarde desta sexta-feira (8). De acordo com a PM, o cabo Melqui Djalcy Rodrigues tinha 41 anos de idade e pertencia ao 4º Batalhão da corporação. Este foi o 15º PM assassinado neste ano.


Ainda de acordo com a Polícia Militar, os disparos atingiram a testa do policial. Ele ainda foi socorrido ao Hospital Santa Catarina, na Zona Norte, mas morreu logo em seguida. A polícia ainda não tem informações sobre como aconteceu o crime.

PMs assassinados em 2018

1 - Cabo Carlos Alberto Araújo da Costa, de 48 anos. Foi morto a tiros no dia 7 de janeiro no bairro das Rocas, na Zona Leste de Natal. Ele era lotado na Companhia Independente de Policiamento de Turismo (CIPTUR).
2 - Sargento André Mário Dantas Siqueira, de 40 anos. Foi morto a tiros no dia 15 de janeiro em uma festa no bairro Golandim, em São Gonçalo do Amarante. O policial trabalhava na Companhia Independente de Policiamento de Guardas.
3 - Sargento José Ailton de Lira, de 51 anos. Foi morto a tiros no dia 26 de janeiro na comunidade de Jacaré Mirim, em São Gonçalo do Amarante. Ele trabalhava no patrulhamento da cidade de Ceará-Mirim.

4 - Sargento da reserva Itagibá Maciel de Medeiros, de 54 anos. Foi morto a tiros na manhã do dia 29 de janeiro no município de Extremoz, na Grande Natal.

5 - Cabo Darlan Santana Carvalho, de 40 anos. Morreu na tarde do dia 29 de janeiro após ser baleado na cabeça, pela manhã, em uma tentativa de assalto a uma farmácia no bairro Planalto, na Zona Oeste de Natal.

6 - Cabo William Soares, de 40 anos. Foi morto no dia 28 de fevereiro no bairro Pajuçara, na Zona Norte de Natal. Ele assistia a um jogo de futebol na casa de um amigo quando trocou tiros com criminosos.

7 - Sargento da reserva Luiz Valdécio Faustino, de 57 anos. Foi morto no dia 23 de março em Mossoró. Ele transitava de moto, ao lado do aeroporto da cidade, quando foi perseguido e assassinado.

8 - Soldado Caroline Pletsch, de 32, era da PM de Santa Catarina. Ela e o marido, que também é PM, foram alvos de um assalto a uma pizzaria na Zona Norte de Natal e baleados. O crime aconteceu no dia 26 de março. Ela ainda foi socorrida, mas não resistiu. O marido sobreviveu.

9 - Cabo Dioclécio Ferreira da Lima Júnior, de 40 anos. Foi morto durante um assalto na saída de um banco na Zona Sul de Natal, crime ocorrido no dia 4 de abril. Um dos bandidos levou um malote de dinheiro que estava com ele. O cabo ainda foi socorrido, mas não resistiu.
10 - Sargento da reserva Helton Cabral da Silva, de 42 anos. Foi morto a tiros no dia 8 de abril em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal. O dono da cigarreira onde ele estava também morreu.

11 - Sargento José Edivaldo do Nascimento, de 46 anos. Foi morto no dia 21 de abril. Baleado durante uma tentativa de assalto no bairro Alecrim, na Zona Leste de Natal, ele ainda foi socorrido, mas não resistiu e morreu no hospital.

12 - Subtenente da reserva Raimundo Ribeiro da Silva, de 65 anos. Foi executado a tiros no dia 4 de maio. O crime aconteceu dentro de uma granja na zona rural de São Gonçalo do Amarante.
13 - Cabo Waldembergue Cruz de Lima, de 45 anos. Foi morto a tiros na noite do dia 8 de maio ao sair de um salão onde havia acabado de cortar o cabelo. O crime aconteceu no conjunto Nova Natal, na Zona Norte de Natal.

14 - Soldado Kelves Freitas de Brito. Foi executado na manhã do dia 2 de junho. O crime aconteceu no bairro Cohabinal, em Parnamirim, na Grande Natal.

15 - Cabo Melqui Djalcy Rodrigues, de 41 anos de idade. Foi morto no dia 8 de junho com tiros na cabeça, em uma loja de materiais de construção no bairro Cidade Nova, Zona Norte da capital.


*G1 RN
Sábado, 09 de Junho de 2018 

Foto: Reprodução Google Street View

Duas embarcações de pescadores naugrafaram no Rio de Janeiro na madrugada desta sexta-feira (8). De acordo com informações do G1, o incidente ocoreu na Baía de Sepetiba, em frente ao porto de Itaguaí, deixando pelo menos quatro mortos. Cerca de 20 pessoas estavam nas embarcações. Oito sobreviventes foram encaminhados para a Unidade de Pronto-Atendimento de Santa Cruz, na Zona Oeste do estado. As demais, pelo menos oito, estão desaparecidas. O acidente ocorreu por volta das 0h20 desta sexta. Um funcionário do porto afirmou que um rebocardor teria feito contato avisando que haviam "homens ao mar". Quando Anderson da Silva, de 42 anos, chegou para fazer o socorro, tinham três homens na água, um já desacordado. Ele e seu auxiliar conseguiram fazer os resgates e, logo após, a lancha dos bombeiros chegou levando as vítimas. “Moro no mar, a 5 minutos do local do acidente. Antes de tudo acontecer, ouvi um estrondo muito forte, teve até chuva de granizo e ventos fortes durante uns 7 minutos. Pouco depois recebi o aviso do acidente. Aparentemente, as vítimas que resgatamos estavam vivas, apenas um estava desmaiado”, contou Anderson ao G1. As busas no local iniciaram logo após o naugrágio. Bombeiros de Sepetiba, Angra dos Reis e Barra realizam as buscas.

Geddel, Cunha e Joesley são indiciados na operação Cui Bono?

Domingo, 10 de Junho de 2018 

por Fábio Serapião | Estadão Conteúdo
Foto: Agência Brasil

Ao concluir o inquérito da operação Cui Bono?, a Polícia Federal indiciou 15 pessoas, entre elas o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB), o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (MDB-RJ), o corretor Lúcio Funaro, o ex-vice-presidente da Caixa Fabio Cleto e os empresários Joesley Batista, do Grupo J&F, Henrique Constantino, da Gol, e Marcos Molina, da Marfrig. A lista dos indiciados foi revelada pelo Jornal Nacional, da TV Globo, e confirmada pelo jornal O Estado de S. Paulo. Deflagrada em janeiro de 2017, a Cui Bono? investiga se Geddel, vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa de 2011 a 2013, cobrava propina para liberar empréstimos. Investigadores suspeitam que o emedebista fornecia informações privilegiadas para Cunha, Funaro e Cleto. Segundo a PF, foram identificados crimes de corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro, organização criminosa, formação de quadrilha e obstrução à investigação de crime praticado por organização criminosa. No pedido que deu origem à operação, o procurador Anselmo Lopes disse que mensagens encontradas no celular de Cunha apontavam a solicitação de propina a empresas interessadas em empréstimos da Caixa. "Os diálogos não deixam dúvidas de que Geddel Vieira Lima e Eduardo Cunha buscavam contrapartidas indevidas nas diversas empresas, visando à liberação de créditos que estavam sob a gestão da vice-presidência de Geddel", disse Lopes. Em uma das mensagens, de 30 de julho de 2012, Geddel diz a Cunha que o "voto sai hj' - sobre um empréstimo a Marfrig. No outro dia, Geddel envia novamente a Cunha informações sobre aprovações de crédito da Marfrig. Após informar que o voto foi favorável a duas operações da empresa, de R$ 300 milhões e R$ 50 milhões, Geddel sinaliza que estava feito o que lhe cabia. "Opinião de voto: favorável. Já foi, agora é vc", diz. O advogado de Funaro, Bruno Espiñeira, afirmou que ele "segue colaborando com as autoridades, respeitando todas as cláusulas do seu acordo". Procurados, os outros indiciados não responderam até a publicação desta matéria.

Presidente da Câmara de Capistrano e mais 3 vereadores são presos em operação do MP

Sábado, 09 de Maio de 2018

Ministério Público do estado do Ceará, através da Promotoria de Justiça da Comarca de Capistrano, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e do Núcleo de Investigação Criminal (NUINC), e a Polícia Civil fizeram operação, nesta sexta-feira (8), em Capistrano, que resultou na prisão preventiva do presidente da Câmara do Município, Namim (PDT), e mais três vereadores: Antonilda (PSB), Andrade (PEN), Aiana (PDT).

Também foram para o xadrez a tesoureira da Câmara, Fabrícia Oliveira, cunhada de Namim, e representante da União dos Vereadores e Câmaras do Ceará (UVC).

Entenda

Os mandados são referentes a procedimento investigatório criminal instaurado na Promotoria de Justiça da Comarca de Capistrano, com auxílio do GAECO, e que investiga a prática de crimes de peculato, falsidade ideológica e documental, com características de organização criminosa, na concessão de diárias a agentes políticos e servidores da Câmara Municipal de Capistrano.

A investigação revelou indícios de que vereadores e servidores da Casa Legislativa, através de procedimentos fraudados instruídos com documentos falsificados, recebiam diárias ilegais por viagens que, de acordo com os elementos apurados, nunca ocorreram.

As buscas e apreensões ocorreram nas residências dos investigados e na Câmara Municipal de Capistrano.

Em tempo

Os vereadores serão afastados e, posteriormente, devem perder os cargos. Os suplentes vão assumir as cadeiras.

Em tempo II

As investigações continuam e avançam. Por enquanto, a prefeita Inês (PSDB) ainda não foi alvo.

Em tempo III

Dinheiro público é dinheiro público, não deve ir para bolso de vereador.

Confira o documento:

Fonte: Cearanews7

Justiça do RN bloqueia mais de R$ 600 mil em bens de deputado estadual e mais sete pessoas

Sábado, 09 de Junho de 2018

Deputado estadual Galeno Torquato teria desviado dinheiro de obra em São Miguel quando era prefeito (Foto: ALRN/Divulgação)

O deputado estadual Galeno Torquato (PSD) e outras sete pessoas tiveram R$ 664.880,78 bloqueados pela Justiça, após pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte. A penalidade ao parlamentar é pela época em que ele foi prefeito da cidade de São Miguel, no Oeste potiguar. Em abril, a Justiça já havia decretado a indisponibilidade de bens e o bloqueio de R$ 2.490.812,85 em contas de Galeno e mais 10 investigados e empresas.

Em abril, Galeno Torquato foi procurado pelo G1 e disse que, durante sua vida pública, jamais foi condenado por qualquer ato de improbidade administrativa. Desta vez o deputado ainda não se pronunciou.

Na decisão de agora, para a juíza de Direito de São Miguel, Erika Souza Corrêa Oliveira, na ação “está demonstrada de forma clara e esmiuçada que os réus causaram dano ao erário”. O bloqueio, segundo a magistrada, é uma medida preventiva para garantir, ao final do processo, a possibilidade de ressarcimento ao erário.


De acordo com o Ministério Público, os ilícitos teriam sido cometidos no município de São Miguel em 2009, quando o acusado exerceu cargo de prefeito. A improbidade se caracterizou pelo fracionamento de licitação. Ainda segundo o MP, foram dois contratos realizados por meio da modalidade de “Convite”, sob a alegação de que se tratavam de objetos diferentes.

Convite

O Convite é uma forma mais simples de licitação; e é escolhida em razão de contratações de pequeno vulto pela rapidez de sua implementação. Pela lei de licitação, o valor máximo para contratos nessa modalidade, nos casos de obras e serviços de engenharia, é de até R$ 150 mil. Os acusados, de acordo com o Ministério Público, fracionaram um mesmo objeto de contratação, serviço de manutenção em escolas, para poder “encaixá-lo” na modalidade Convite.

Os dois convites foram realizados no mesmo dia, com datas de abertura das propostas em 15 de julho de 2009, às 10 horas e 14 horas, com valores de R$ 143.560,64 e R$ 142.039,75. “E beneficiaram uma mesma empresa, vencedora dos dois certames. A empresa Jeová Cursino de Sena Pinto, cujo responsável também é réu na ação”, afirma o MP em nota.


*G1 RN / Nosso Paraná RN

Celso de Mello libera ação de Gleisi Hoffmann para julgamento no STF; presidente nacional do PT é acusada de receber 1 milhão de reais em propinas da Petrobras

Sábado, 09 de Junho de 2018

Por interino

Foto: (Edilson Rodrigues/Agência Senado)

O ministro Celso de Mello liberou para julgamento pela Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) uma ação penal contra a presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann (PR), no âmbito da Operação Lava Jato.

A acusação contra Gleisi no STF tem base nas delações premiadas do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e do doleiro Alberto Youssef. Eles revelaram que, em 2010, 1 milhão de reais do esquema de propinas da Petrobras foi destinado à campanha eleitoral da petista ao Senado. O ex-deputado Pedro Corrêa (ex-PP) também corrobora, em delação, com os depoimentos do doleiro e do ex-diretor da Petrobras.

Se for considerada culpada pelos cinco ministros que compõem a Turma (Celso de Mello, o relator Edson Fachin, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Dias Toffoli), Gleisi será a segunda pessoa política condenada na Corte em processos da Lava Jato. O primeiro, no último dia 29, foi o deputado federal Nelson Meurer (PP-PR).

Em manifestação ao Supremo, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, pediu a condenação da senadora e o pagamento de uma multa de 4 milhões de reais para reparação dos danos. A chefe do Ministério Público Federal (MPF) sustenta que a suposta propina “deturpou” a eleição disputada pela petista.

“Além do enriquecimento pessoal, os crimes de corrupção visaram ao enriquecimento ilícito para finalidade eleitoral (motivo), deturpando o sistema representativo e desequilibrando (consequências) a indispensável lisura, paridade e isonomia das concorrentes forças políticas no processo eleitoral do regime democrático. Basta se ver que o valor de RS 1.000.000,00 corresponde a quase 50% do montante de receitas declaradas de Gustavo Fruet, candidato ao Senado no Paraná em 2010. Assim, o desequilíbrio que o valor causou às eleições é concreto”, anota.

Roteiro da propina

No final de outubro, VEJA revelou com exclusividade um vídeo produzido pela Polícia Federal em que, acompanhado por um investigador, o advogado Antônio Carlos Pieruccini percorreu as ruas de Curitiba para mostrar como fez chegar a Gleisi quatro pacotes de dinheiro derivados do esquema de subornos montado na Petrobras. No vídeo, o advogado, que era contratado por Alberto Youssef para entregar propina e fez delação premiada, vai com o agente aos locais onde fez as entregas, cada uma de 250.000 reais. Ele conta detalhes sobre o que conversava quando contava o dinheiro da senadora.

O advogado da senadora, Rodrigo Mudrovitsch, diz que o delator mentiu com o único propósito de obter imunidade penal e que confia na absolvição de sua cliente.

Veja / Blog do BG

Concurso para professor da UFRN oferece 10 vagas para Natal e interior; salário total de R$ 10.043,67

Sábado, 09 de junho de 2018

Por interino
Resultado de imagem para imagens da UFRN
A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) está com inscrições abertas para o Concurso Público para Professor do Magistério Superior na Classe Adjunto-A. São 10 vagas para diversas áreas, nos campi Natal, Caicó e Santa Cruz. As inscrições devem ser efetuadas até dia 26 de junho.

A remuneração será compatível com a classe e o nível iniciais da carreira correspondendo ao regime de trabalho de dedicação exclusiva, com titulação de doutorado e salário total de R$ 10.043,67, o qual inclui vencimento básico, retribuição por título e auxílio alimentação.

As provas estão previstas para ocorrer no segundo semestre e a seleção constará de prova escrita, prova didática, defesa de memorial e projeto de atuação profissional, além de prova de títulos. Os interessados devem efetuar inscrição pelo Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH), onde estão disponíveis o edital e o formulário de inscrição.

Com informações da UFRN / Blog do BG

Gleisi Hoffmann diz que eleição sem Lula é “agressão” e afirma que Lei da Ficha Limpa não atinge o ex-presidente preso

Sábado, 09 de Junho de 2018

Imagem do Google
Resultado de imagem para imagem de gleisi e lula

Gleisi Hoffmann falou à imprensa em Contagem, no enésimo “lançamento da pré-candidatura de Lula”, e disse que será uma “agressão” e uma “brutalidade” caso o TSE não deixe o presidiário disputar a eleição.

“Se o TSE avaliar que não pode, seria uma brutalidade, uma agressão com o presidente, porque nós estamos com recursos bem fundamentados em instâncias superiores e teria que ser feita a candidatura”, declarou a presidente do PT.

Gleisi alegou ainda que a Lei da Ficha Limpa não é impeditiva no caso de Lula. Não é o que pensa a presidente do Supremo.

Fonte: Blog do BG

Procuradoria eleitoral defende cassação de políticos que furam teto de gastos

Sábado, 09 de Junho de 2018

por Carla Bridi, especial para a AE | Estadão Conteúdo
Foto: Divulgação

A punição através de cassação de mandato para políticos que ultrapassam o limite legal de gastos de campanha veio à tona durante sessão no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em que se julgava o caso de duas vereadoras do Rio Grande do Norte. Ângela Maria de Aquino (PTC) e Jumária de Oliveira (PTN), do município de Ceará-Mirim, são investigadas por excesso de gastos nas campanhas eleitorais de 2016. Ambas tiveram a prestação de contas reprovada após ultrapassarem os gastos em 51% e 39%, respectivamente. Ceará-Mirim é um município de aproximadamente 73 mil habitantes, localizado na Grande Natal, na microrregião de Macaíba. A Câmara Municipal de Ceará-Mirim é composta por 16 cargos. O limite estipulado para os gastos de vereadores do município naquele ano foi de R$ 18.328,63. Ângela gastou R$ 9.300 a mais, enquanto o PTC recebeu mais de R$ 236 mil por mês do Fundo Partidário até outubro de 2016. Jumária extrapolou o limite em R$ 7.100, enquanto o PTN recebeu R$ 522 mil por mês do fundo até outubro daquele ano. O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte aprovou a cassação de mandato das políticas, baseado no artigo 30-A da Lei das Eleições, que prevê a medida em casos de comprovação de captação ou gastos ilícitos de recursos para fins eleitorais. Durante sessão do TSE nesta semana, o vice-procurador-geral eleitoral, Humberto Jacques de Medeiros, defendeu que aplicar somente a multa nessas ocasiões é "comunicar a todos os pretensos candidatos que a observância do limite legal não parece uma opção inteligente". Jacques de Medeiros afirmou que "não se produz mandato legítimo em cima de ato ilícito", defendendo a tese de que as vereadoras obtiveram vantagem econômica desleal na corrida eleitoral. Ainda para o vice-PGE, "a garantia de sucesso nas urnas decorrente de um aporte maior de recursos financeiros na campanha eleitoral justificaria a submissão ao pagamento de uma multa pelo desrespeito da norma". Na sessão, o relator do caso, ministro Admar Gonzaga, acatou os recursos das vereadoras, sob a justificativa de que esse foi o entendimento do TSE em casos similares anteriores, que envolveram excesso de gastos de campanha no ano de 2016. O ministro defendeu a alteração de tal medida. "Entendo, assim como o Ministério Público, que esse precedente não convém à democracia", afirmou. O julgamento foi suspenso por pedido de vista do ministro Luís Roberto Barroso. Por telefone, Ângela se manifestou "muito otimista" com o andamento do processo. "Já tivemos o voto favorável do relator e o ministro (Luís Roberto Barroso) pediu vista, então isso dá continuidade ao julgamento. Ainda afirmou que o caso "foi uma coisa inédita aqui". A reportagem tentou contato com Jumária e não obteve resposta. O espaço está aberto para manifestação.

Humoristas questionam no STF proibição de sátiras políticas a 3 meses da eleição

Sábado, 09 de Junho de 2018 

Foto: Reprodução / Instagram

Os humoristas Fábio Porchat, Bruno Mazzeo e Marcius Melhem foram ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quinta-feira (7), para questionar um dispositivo da lei eleitoral que proibiu sátiras políticas a três meses das eleições. De acordo com informações do Uol, o trio conversou com o ministro Alexandre de Moraes, relator do processo, que foi suspenso em 2010 por decisão liminar (provisória) do STF, e deve voltar à pauta naquela Corte na próxima quarta-feira (13). “Acima de tudo, a grande batalha é a liberdade de expressão. E depois também ressaltar a função crítica do humor de participar do debate público. A eleição é o assunto mais importante do ano. É o assunto que a sociedade precisa receber informações e o humor também tem a função de levantar o debate público sobre aquelas pessoas e aquele momento político”, disse Melhem após a reunião.

PF faz perícia sobre supostos repasses da Odebrecht a Eunício e Maia

Sábado, 09 de Junho de 2018 

Foto: Divulgação

A Polícia Federal solicitou ao setor de perícias a realização de uma análise sobre os supostos pagamentos de propina registrados nos bancos de dados da Odebrecht, o Drousys e o Mywebday, aos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), para permitir o avanço do inquérito que apura ofertas de vantagens indevidas a eles em troca de benefícios em medidas provisórias no Congresso Nacional. De acordo com o jornal O Globo, o ofício comunicando a realização da perícia foi enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF) na última quarta-feira pela delegada Graziella Balestra, que conduz as apurações do caso. As análises abrangerão também outros supostos repasses ao senador Romero Jucá (MDB-RR) e ao deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA), que são investigados no mesmo inquérito. Com isso, a PF busca comprovar se os pagamentos aos quatro políticos foram efetivamente realizados, como relatado na delação dos executivos da Odebrecht.

Blatter revela fraudes e propinas de Havelange e Teixeira; TV brasileira é citada

Sábado, 09 de Junho de 2018 

Foto: Eny Miranda / GOVERJ

A Copa do Mundo da Rússia será a primeira em 11 edições sem Joseph Blatter no comanda da Fifa. No entanto, o dirigente está longe de sair dos holofotes e, às vésperas do torneio, polemizou com relatos e denúncias de quando mandava no futebol. Em livro publicado na Europa - Ma vérité Minha Verdade (Éditions Héloïse d’Ormesson) –, o suíço relata bastidores do caso de corrupção envolvendo os brasileiros João Havelange (seu antecessor) e Ricardo Teixeira (ex-presidente da CBF). Ele afirma que “descobriu” que dinheiro de uma emissora brasileira de TV teria sido desviado para criação de uma “caixa preta” no futebol. O caso se refere à quebra e falência da empresa de marketing esportivo que vendia os direitos de transmissão dos jogos das Copas e agia de forma independente, a ISL. Ela também era suspeita de pagar propinas, inclusive para os dirigentes brasileiros. O ex-presidente explica que em 2001 “o tribunal cantonal de Zug (na Suíça) abriu processo judiciário contra a ISL” e que os procuradores tomaram a decisão de fazer “uma operação de busca na Fifa”. Segundo "O Estado de S. Paulo”, Blatter não revela o nome da emissora e nos documentos do tribunal que investigou o caso, ela também é mantida em sigilo. A Rede Globo tinha os direitos de transmissão das Copas de 2002 e 2006, período em que a ISL atuava. A emissora disse desconhecer o caso. “O Grupo Globo sempre negociou direitos de transmissão de boa-fé. Nas suas relações comerciais, como em todas as suas atividades, nada é mais importante do que adotar práticas éticas e transparentes. O Grupo Globo não tem conhecimento desses fatos e reafirma que não tolera nem paga propina”. Já Blatter explica que se recusou a acreditar no envolvimento de João Havelange – ele foi secretário-geral da Fifa quando o brasileiro presidia a entidade. “Penso em Teixeira e não em Havelange. Para mim, é a estátua do comandante e em nenhum momento pensei que ele estaria envolvido nesse caso”, diz. Ele conta que “viu passar uma transferência de US$ 1 milhão (R$ 3,7 milhões em valor atual) da ISL para Havelange”, e imediatamente mandou devolver ao contador achando que tinha sido um erro. Ele revela que a ISL começou a pagar propinas para manter os contratos com a Fifa, e tudo a mando dos dirigentes brasileiros. “Levou uma década de inquérito e processo para eu entender com detalhes o sistema que foi criado por Havelange e Teixeira, um sistema que eu totalmente estava fora”, conta. O Tribunal de Zug indicou que Havelange ficou com US$ 1 milhão. Já Teixeira, levou US$ 12,4 milhões (R$ 45,8 milhões na cotação atual).

Ex-braço direito de Gilmar teria pedido R$ 200 mi da JBS para reduzir multa de leniência

Sábado, 09 de Junho de 2018

Foto: Carlos Humberto|Divulgação

A tentativa de redução da multa de leniência da JBS na Justiça teria passado por um pedido de propina de R$ 200 milhões por parte de um ex-braço direito do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). De acordo com a revista Crusoé, Dalide Corrêa, uma advogada amiga de Gilmar e líder do Instituto Brasiliense de Direito Público (IDP), controlado por Gilmar, solicitou à JBS R$ 200 milhões como forma de conseguir que Gilmar Mendes reduzisse a multa de R$ 11 bilhões para R$ 3 bilhões de reais. Dalide deixou o IDP no mesmo momento em que as delações da JBS eclodiram. “Eu já vinha sinalizando havia mais de um ano que pretendia sair. Inclusive tinha começado a fazer a transição para a nova direção. Não tem ligação com esse episódio com a JBS”, disse ela à Crusoé. Ela ainda afirmou que a história teria sido inventada.

Caminhoneiros discutem novas paralisações no Whatsapp

Sábado, 09 de Junho de 2018 

Foto: Marina Petri / Divulgação

Os grupos de WhatsApp com caminhoneiros, tidos como os responsáveis por organizar, alimentar e manter a greve que paralisou o Brasil no fim de maio, já discutem a possibilidade de um novo protesto. De acordo com o jornal Estado de S.Paulo, a categoria tem se revoltado com a as dificuldades de implementação do acordo que selaram com o governo. Nos grupos, há quem defenda uma nova greve já, mas a maioria dos líderes fala em parar mais para a frente, para que as tentativas de implementação tenham tempo e que se evite que novos transtornos levem a população, que inicialmente ficou a favor do movimento, mude de ideia.

Fake news que causem danos às candidaturas serão removidas imediatamente pela Justiça

Sábado, 09 de Junho de 2018

Foto: Nelson Jr. / SCO / STF

As chamadas "fake news" contra os candidatos à eleição 2018 que forem consideradas abusivas serão removidas imediatamente pela Justiça. A decisão foi anunciada pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luiz Fux, nesta sexta-feira (8). "Diante de uso abusivo, sabidamente inverídico, da notícia sabidamente inverídica, que cause dano irreparável à candidatura, por exemplo, vamos remover imediatamente a notícia", declarou Fux durante o "Fórum Brasil Futuro", que foi realizado em um hotel, em São Paulo. A primeira ação neste sentido foi tomada na quinta (7), quando o TSE retirou do ar notícias apontadas como falsas pela pré-candidata Marina Silva (Rede). As publicações referidas apontavam que a presidente da Rede havia sido deletada na Lava Jato por recebimento de propina. "No Brasil, isso não funciona [de não retirar do ar previamente uma notícia falsa que causa dano], porque uma notícia falsa em um segundo derrete uma candidatura. Então temos que atuar preventivamente na inteligência, na busca de dados, e é uma área muito tênue, mas que a atuação brasileira tem sido muito eficiente", defendeu o ministro, acrescentando que não vê necessidade em uma legislação específica para esse tipo de infração.

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Acidente de trânsito na serra de Portalegre/RN

Sexta, 08 de Junho de 2018


Por volta das 7h30 desta sexta-feira (08), ocorreu um acidente de trânsito na RN 177, Serra de Portalegre/RN, envolvendo um veiculo Chevrolet Corsa Classic, ano 2011 e um uma Camionete Chevrolet S10, ano 2005.

A Polícia Militar de Portalegre foi acionada, compareceu ao local e constatou que havia ocorrido apenas danos materiais. 

Uma equipe do 4º DPRE (Polícia de Trânsito), também compareceu ao local para as medidas de praxe.


Fonte: Nosso Paranà RN

Policia Civil de Assu prende pai e filho acusados pela morte de um adolescente em novembro do ano passado na cidade

Sexta, 08 de Junho de 2018

ImagemA Polícia Civil de Assú prendeu na tarde de ontem, 07 de junho, os dois responsáveis pelo assassinato do adolescente Pedro Faustino de Sena de 14 anos de idade, crime registrado no dia 11 de novembro do ano passado, no bairro Belo Horizonte, em Assú. O adolescente foi morto a golpes de faca peixeira.
Segundo o Delegado Cidorgeton Pinheiro, Pedro Faustino e o pai dele, foram ameaçados de morte, logo após uma discussão entre os dois adolescentes. O acusado, menor de idade, teria dito que o pai viria até Assú para matar o pai da vítima.
ImagemAinda segundo o delegado, as ameaças do adolescente, foram cumpridas. Ele teria chamado o seu pai para a cidade de Assú e, no dia do crime, “pai e filho acusados”, montaram uma emboscada aguardando “pai e filho” ameaçados, mas como o pai da vitima não apareceu, os assassinos resolveram executar apenas, o filho, Pedro Faustino, que estava retornando para casa, no bairro Belo Horizonte em Assú.
No dia do crime, Antônio Erinaldo Paulino da Silva, “Naldo” de 40 anos de idade, pai do acusado, estava conduzindo a motocicleta com seu filho na garupa. A vitima, Pedro Faustino foi esfaqueado pelas costas, ainda chegou a ser socorrido para o Hospital de Assú, transferido para Mossoró, mas não resistiu.
Naldo e o filho adolescente fugiram para Natal e foram se esconder no bairro Planalto, tendo a policia civil buscado a prisão deles, mas sem sucesso. Pressionados, pai e filho resolveram se entregar, a policia, sendo cumpridas as ordens da Justiça.
A policia civil agradece o apoio recebido na cidade de Natal, o que possibilitou a real possibilidade de prisão da dupla e, em razão disso, forçou a apresentada deles.

Fonte: O Câmera

Governo investe R$ 4,9 milhões no ITEP e Central do Cidadão de Pau dos Ferros

Sexta, 08 de Junho de 2018

Rio Grande do Norte


Principal cidade do Alto Oeste potiguar, Pau dos Ferros recebeu, na manhã desta sexta-feira (7), o governador Robinson Faria que vistoriou as obras do Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) e da Central do Cidadão. O investimento nas duas obras se aproxima dos R$ 5 milhões com recursos do Governo Cidadão por meio do empréstimo junto ao Banco Mundial.

Com 15% da obra já concluída e previsão de entrega para agosto deste ano, a nova unidade do ITEP vai contar com necrotério, identificação, perícia criminal e medicina legal. “Vamos entregar uma estrutura que atenderá toda a região com mais eficácia, beneficiando a população e desafogando a unidade regional de Mossoró, que atualmente atende mais de 65 cidades”, observou o governador Robinson Faria.

O investimento na obra é de R$ 434.867,64 com recursos próprios do Instituto. O valor também engloba a compra do mobiliário e outros equipamentos. A previsão é que todo o material seja entregue em julho. O quadro de servidores que trabalharão na unidade será composto por aprovados no concurso promovido pelo Governo do Estado em fevereiro deste ano. O curso de formação teve início este mês e será concluído em 14 de julho.

"Não adianta ter estrutura física sem mobiliário, equipamentos e pessoal. Estamos trabalhando de forma articulada para que até o fim de julho esteja tudo pronto para entregarmos o prédio em plenas condições de funcionamento", destacou o diretor do ITEP, Marcos Brandão.

Investimentos no ITEP

O novo prédio em Pau dos Ferros não é o único investimento do Estado no ITEP. Em fevereiro deste ano o governo realizou concurso público com 165 vagas distribuídas em diversos cargos para o quadro da instituição, o que também beneficia Pau dos Ferros. Além disso, foram investidos cerca de R$ 900 mil na compra do “Flatscan”, uma espécie de scanner de cadáver.

Por meio de um convênio com o Tribunal de Justiça do RN, o Governo viabilizou o funcionamento do laboratório de DNA do órgão, através da aquisição de um sequenciador genético e demais acessórios específicos para análises laboratoriais. O equipamento trará maior agilidade na solução de crimes e possibilitará a realização de exames de DNA no Rio Grande do Norte.

Central do Cidadão

Com investimento de R$ 4,5 milhões, a obra de construção da sede própria da Central do Cidadão de Pau dos Ferros está sendo realizada pelo Governo Estado e será entregue em setembro deste ano. Nesta sexta-feira (8), o governador Robinson Faria também vistoriou o andamento dos serviços, atualmente já 30% concluídos.

A construção de sedes próprias das Centrais buscar gerar economia direta aos cofres do Executivo. “Com essas novas sedes, o Estado economiza uma média de R$ 350 mil com despesas de aluguel, além de contribuir para a melhoria dos serviços prestados à população”, frisou o governador Robinson Faria, que lembrou, ainda, o fato de os prédios estarem sendo construídos em terrenos próprios do Estado.

Ao todo serão 22 novas Centrais em prédios projetados para melhor atender os potiguares e promovendo agilidade na prestação dos serviços dos 12 órgãos que integram o quadro de atendimentos nas Centrais, entre eles: Caern, Defensoria Pública, Detran, Idema, Ipern, ITEP, Juizado Especial, Junta Médica do Estado e Procon.

A meta é de 25 mil atendimentos/mês, atingindo a população residente de 30 municípios próximos.

A agenda foi acompanhada pelo deputado estadual Galeno Torquato, pelo secretário de Estado da Saúde Pública, Pedro Cavalcanti, e pelos diretores João Ronaldo (Cehab) e Marcos Brandão (ITEP), além de prefeitos e vereadores da região.

Fotos: Rayane Mainara - Assecom-RN

Fonte: O Câmera

Camarote desaba e deixa várias pessoas feridas no primeiro dia do Mossoró Cidade Junina

Sexta, 08 de Junho de 2018


O camarote da TCM/Futebol Bets desabou durante o show de Xandy Aviões no primeiro dia do Mossoró Cidade Junina deixando várias pessoas feridas. O acidente ocorreu no início da madrugada desta sexta-feira, 08 de junho de 2018, na Estação das Artes em Mossoró no Oeste do Rio Grande do Norte.

De acordo com in formações a estrutura do camarote não suportou o execesso peso e desabou. Equipes de resgate, que estavam de plantão no evento conseguiram retirar as vítimas feridas.

Ambulâncias do Samu e de unidades de saúde do município, que estavam de prontidão no local, socorreram as vítimas para o Hospital Regional Tarcisio Maia com ferimentos nas pernas e braços.

Ao menos dez pessoas deram entrada no Hospital, sendo que seis foram encaminhadas por ambulâncias e quatro em carro particular. Segundo informações das equipes de socorro as vítimas apresentavam ferimentos sem gravidade.

O show do cantor Xandy foi interrompido por alguns minutos, até a retirada das vítimas e depois retornou. A Prefeitura de Mossoró, que promove o Mossoró Cidade Junina e o Corpo de Bombeiros, que faz a vistoria na estrutura física do evento devem se pronunciar sobre o acidente.



Fonte: Fim da Linha

Vereadora do Paraná é afastada por ter apresentado atestado médico para ir a RiR

Sexta, 08 de Junho de 2018

Foto: Reprodução / G1 PR


Uma vereadora da cidade de Foz do Iguaçu, no Paraná, foi afastada das atividades por 30 dias pelo Conselho de Ética da Câmara Municipal. Os membros da comissão, que a investiga por quebra de decoro parlamentar, concluíram que Nanci Rafain Andreola (PDT) apresentou um atestado médico para justificar sua ausência em uma sessão realizada um dia antes de ela viajar para o Rock in Rio, no Rio de Janeiro, em setembro de 2017. No entanto, o Conselho aponta que a edil não compareceu a nenhuma unidade de saúde. Segundo informações do G1, esse foi o relatório final produzido pelo vereador João Miranda (PSD) e lido na sessão realizada nessa quarta-feira (6). O texto deve ser votado em plenário até o fim deste mês. Se a recomendação de Miranda for aceita, Nanci também não vai receber o salário referente ao tempo de suspensão do mandato, que é de um mês. De acordo com a publicação, o relator pontuou que o atestado apresentado pela vereadora não poderia ser válido, uma vez que a própria assumiu não ter ido à consulta e o médico que teria assinado o documento disse que não emitiu o atestado e que nem conhece a vereadora. Em depoimento encaminhado ao Conselho, o médico Maxsuel Fidélis da Pádua Almeida afirmou que soube da notícia apenas pelos jornais. "Não confirmo a emissão do atestado e ainda menciono que a letra e a assinatura do atestado não é minha", declarou na oportunidade. O vereador Márcio Rosa (PSD), que preside o Conselho de Ética, disse que Nanci contestou as declarações do médico. Toda a investigação na comissão da Câmara teve início após uma denúncia de que ela teria utilizado o documento como justificativa para curtir o festival.

Criança é salva de tiro durante assalto por uma garrafinha plástica que levava para a escola

Sexta, 08 de Junho de 2018


Uma simples garrafinha plástica pode ter salvado a vida de uma criança de 3 anos de idade, evitando mais uma morte por bala perdida nas ruas de Fortaleza. O fato curioso ocorreu no começo da tarde desta quarta-feira (6) na zona Sul da Capital, quando um sargento da Polícia Militar saía de casa para ir deixar as duas filhas na escola, e acabou sendo atacado por assaltantes.

O fato ocorreu no Conjunto Novo Mondubim. O PM (identidade preservada) estava saínde de sua residência com a filha mais nova, de apenas 3 anos de idade; e com a mais velha, uma adolescente de 13 anos. No momento em que ele entra no carro, percebe a chegada brusca de dois homens numa motocicleta. O militar percebeu que se tratava de um assalto e buscou abrigo para reagir contra os criminosos e salvar suas filhas.

Ao perceber a atitude do PM, o assaltante que estava na garupa da motocicleta descarregou sua arma contra o veículo do militar. Foram seis tiros. Um deles acertou uma garrafinha plástica com água que estava com a menina de 3 anos e a bala mudou a trajetória. A menina se salvou. Já a irmã dela, de 13 anos, sofreu um tiro de raspão no abdome, foi levada um hospital e já recebeu alta.

Prendeu o ladrão

Após proteger as crianças, o militar perseguiu os criminosos e acabou prendendo um deles, identificado como Elano Bastos Gomes, 30 anos, que já possui extensa ficha de crimes. Com ele, foi apreendida a arma com as cápsulas das balas que ele havia disparado contra o PM e as crianças. O parceiro dele, que pilotava a moto, conseguiu fugir, mas já foi identificado e está sendo procurado.

A Polícia deteve também um homem que estava nas proximidades do local do atentado. O suspeito dirigia um veículo HB20 e, supostamente, estaria dando “cobertura” aos assaltantes na motocicleta. O caso ainda está sendo investigado. (Fernando Ribeiro)

Homem é preso suspeito de estuprar e engravidar enteada de 13 anos

Sexta, 08 de Junho de 2018

Um homem de 27 anos foi preso preventivamente por suspeita de estupro de vulnerável, na manhã desta quinta-feira (7), em Miguel Alves, município a 117 km de Teresina. De acordo com o delegado Antônio Barbosa, o suspeito estuprou e engravidou a própria enteada de 13 anos. A denúncia foi feita pela avó da adolescente que questionou a neta após a descoberta da gravidez.

"Ela disse que notou um comportamento estranho na neta e que quando a menstruação da adolescente atrasou, levou ela para fazer o exame e descobriu a gravidez em março, quando a menor já estava com cinco meses de gestação", informou o delegado Antônio Barbosa.


Após a descoberta, a avó perguntou à adolescente sobre a paternidade do bebê. "Quando ela questionou quem era o pai da criança, a menor relatou os abusos que vinha sofrendo do padrasto", relatou o delegado Antônio Barbosa A Nossa Reportagem

Segundo o relato da vítima, os abusos aconteciam desde novembro de 2017. "A mãe da menina trabalha em Teresina e passava a semana fora. Durante esse período ele cometia os abusos e acabou engravidando a enteada", afirmou o delegado Antônio Barbosa.

A menor relatou à polícia que era ameaçada pelo agressor. "Ela contou que, às vezes ele batia nela e ameaçava separar da mãe dela caso ela contasse alguma coisa", disse o delegado. Após descobrir os abusos, a mãe da menor disse que também recebeu ameaças.


"Ela falou que ele amaçava fazer algum mal contra ela. Então ela queria uma medida protetiva para que ele se afastasse dela também. Foi quando ele saiu da casa e foi morar em um povoado mais distante", explicou o delegado Antônio Barbosa.

O suspeito foi encaminhado para a Delegacia de Miguel Alves e aguarda transferência para uma unidade do sistema prisional do estado.


*G1  Nosso Paraná RN

SUSPEITOS DE ATEAREM FOGO EM DUAS VIATURAS DO CORPO DE BOMBEIROS EM MOSSORÓ-RN SÃO PRESOS POR POLICIAIS DA ROCAM.

Sexta, 08 de Junho de 2018


Quatro indivíduos,sendo dois menores de idade possivelmente ligados a facções criminosas, foram presos e apreendidos durante a madrugada desta quinta feria,07 de junho de 2.018,por policiais da Rocam, lotados no 12º Batalhão de Polícia Militar, sob o comando do Sargento Renixon, acusados de ter ateado fogo em duas viaturas do Corpo de Bombeiros, e efetuado disparos de arma de fogo, na fachada da unidade na BR 304 saída para Natal, onde funcionou o posto da Polícia Rodoviária Federal, na cidade de Mossoró no Rio Grande do Norte.(RELEMBRE)
De acordo com o Sargento Renixon, a polícia já tinha informações sobre as ações desses elementos, e por volta das 04Hs da madrugada conseguiram prender no Jardim das Palmeiras, próximo ao Ceduc nas Malvinas 04 indivíduos. 
Os policiais encontraram um dos cartazes que os criminosos deixaram no local, com frases do PCC, ameaçando o governo e estado. Um deles de maior, presidiário com uso de tornozeleira, e com uma motocicleta Honda de placa OJR 3859 Mossoró-RN com queixa de roubo alem de uma certa quantidade de maconha. 

O Sargento disse que eles estão negando à autoria do incêndio que destruiu duas viaturas do Corpo de Bombeiros, uma delas de resgate, mas que tem provas como contra eles, mas isso agora é com a Polícia Civil.

Os indivíduos foram pegos todos em casa, e um deles tentou se evadir, foi feito o cerco policial e o prendemos concluiu o Sargento Renixon.

Foram presos Renato Dantas de Souza "o Paulista" 50 anos de idade que segundo a polícia seria o comandante da facção criminosa na área das Malvinas e Andrew Willians Santiago da Silva 21 anos de idade.(O que está com a tornozeleira)
A arma que foi utilizado pelos indivíduos no local do incêndio não foi encontrada pelos policiais. Todos Foram conduzidos para Delegacia de Plantão, para os procedimentos cabíveis na forma da lei pela autoridade policial competente, no caso o bacharel Evandro Luiz.

Renato Dantas foi autuado por tentativa de homicídio, uma vez que durante oa taque foram efetuados disparos de arma de fogo contra os bombeiros que estavam no interio de prédio.

Andrew Willinans foi autuado por receptação, por está com uma moto roubado e após pagar fiança foi liberado, para responder o processo fora da prisão.
Os dois adolescentes foram liberados. Andrew Willians foi detido pele PM no último dia (02),quando se encontrava de tornozeleira eletrônica no Evento Festivo Pingo da meia dia em Mossoró.(RELEMBRE)





Fonte: Passando na Hora

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055