martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 19 de dezembro de 2022

CBTU entrega estações em São José do Mipibu e Nísia Floresta

Segunda, 19 de Dezembro de 2022


O Governo Federal, por meio da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entrega, nesta segunda-feira (19), a Estação Bonfim, em Nísia Floresta, e a de São José de Mipibu, no município que leva o nome da nova estação ferroviária. Com a conclusão das novas estruturas, na Linha Branca restará apenas as obras na via férrea e da Estação Nísia Floresta, que ficará pronta até o fim deste mês. A expectativa é que após o início dos testes operacionais e conclusão da via permanente, a linha férrea esteja disponível e apta para operação comercial, em meados de janeiro de 2023. Na ocasião, também foi realizada visita técnica às obras da Linha Roxa, em São Gonçalo do Amarante. 

A Linha Branca faz parte das ações de modernização e ampliação do sistema da CBTU em Natal. Ela terá um total de 23,4 km de linha férrea e cinco estações, das quais quatro foram entregues (Boa Esperança e Cajupiranga, somadas as duas dessa ação). Com um investimento superior aos R$ 78 milhões, vai atender a 11 mil passageiros por dia.

Ao todo, a União está investindo mais de R$ 100 milhões na malha férrea no Rio Grande do Norte, que contempla ainda a construção da Linha Roxa. O aporte possibilitará a construção de um total de oito estações e quase 30 quilômetros de linha férrea. Com isso, a malha ferroviária da Grande Natal se tornará a mais extensa do Nordeste e a terceira maior do País – atrás apenas das Regiões Metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro.

A construção das estações do Bonfim, São José de Mipibu e Nísia Floresta, faz parte dos trechos II e III da Linha Branca. As duas etapas contam com R$ 51,6 milhões em investimentos federais e contarão com 20 novos quilômetros de via.

“A minha vida inteira olhei para a necessidade da região. Daqui a quatro anos, quero que todos vejam os avanços alcançados, os empregos gerados. Além de todo esse crescimento, a população será beneficiada com segurança, mobilidade com tudo o que acontecera de positivo por essa ação. Isso é o legado de um governo sério, trabalhador e corajoso”, afirmou o Senador Eleito Rogério Marinho.

“Hoje celebramos mais uma etapa deste importante projeto de expansão do sistema ferroviário da Região Metropolitana de Natal, com a entrega de mais duas estações da Linha Branca. Beneficiaremos a população de mais dois municípios com um transporte seguro, pontual e confortável”, comemora o diretor-presidente José Marques, que exaltou a trabalho realizado pelo ex-ministro do MDR e senador eleito, Rogério Marinho, e a continuidade dada pelo atual ministro Daniel Ferreira.

A CBTU no Rio Grande do Norte transporta, em média, 11,6 mil pessoas por dia. O sistema conta com 60 quilômetros de linhas férreas e 25 estações.

“Essas duas novas estações marcam a realização de um sonho dos ferroviários e da população de São José e Nísia, que há quase quatro décadas aguardavam o retorno do trem. Em breve, entregaremos mais uma estação em Nísia e iniciaremos a operação comercial, disponibilizando mais um modal de mobilidade urbana” reforçou o superintendente de Natal, Leonardo Diniz. 

 

Linha Roxa

A construção da Linha Roxa da CBTU na Grande Natal teve a pedra fundamental lançada em setembro de 2021. Com aporte de R$ 18,7 milhões do Governo Federal, o empreendimento contempla a instalação de 4,1 quilômetros de trilhos e a construção de três estações: Bela Vista, BR-101 Norte e Jardim Petrópolis. A previsão é que 2 mil pessoas sejam atendidas diariamente pelo ramal, que ligará a Região Metropolitana de Natal aos municípios de São Gonçalo do Amarante e Extremoz. As obras estão em andamento com previsão de conclusão em fevereiro de 2023.

Fonte: Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9 9151-0643

Contato : (84) 9 9151-0643