martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 18 de dezembro de 2022

Dramaticamente, Argentina vence a Copa, é tri, mas inflação no país é a maior das últimas três décadas

Domingo, 19 de Dezembro de 2022

O único grande título que faltava a Lionel Messi finalmente chegou...

A Seleção Argentina acaba de ser Campeã do Mundo no Catar.

Com show do craque Messi, os hermanos empataram com a França por 3x3 e venceram nos pênaltis.

A vitória chega como um alento ao povo argentino que sofre com o pior índice de inflação já registrado em 30 anos, desde que o socialista Alberto Fernández assumiu a presidência do País.

Para se ter uma ideia, em dezembro de 2019, a inflação beirava os 53%, hoje, já está em astronômicos 92,4% e caminha a passos largos para os 100%.

No acumulado de 12 meses, a taxa subiu se comparada a outubro, quando registrou 88%. No mesmo período, a inflação do grupo de vestuário e calçados foi de 122,4% e alimentos e bebidas encareceram 94,2%.

Os dados são do Instituto Nacional de Estatística e Censos (Indec) e comprovam que nem a política de Fernández em congelar por diversas vezes os preços de milhares de produtos surtiu efeito na economia. Até porque, os "vilões" desta vez foram habitação, água, eletricidade, gás e combustíveis. Todos considerados itens essenciais.

Em setembro passado, o Banco Central da Argentina já havia aumentado a taxa básica de juros, de 69,5% para 75% na tentativa de controlar os preços, mas não deu muito certo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9 9151-0643

Contato : (84) 9 9151-0643