martins em pauta

sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

União entre Bolsonaro e Macri foi fundamental para a queda de Maduro

Sexta, 25 de Janeiro de 2019



A queda (em andamento) do tirano Nicolas Maduro tem um significado político extremamente relevante.

É a vitória da nova política contra a dominação esquerdista que tomou de sobressalto a América do Sul no início deste século.
Nicolas Maduro é o último tirano.

Para tanto, a união estratégica entre os presidentes Jair Bolsonaro e Maurício Macri foi fundamental no sentido de oferecer apoio e força política para as lideranças venezuelanas que se opunham ao ditador inconsequente.

Segundo o Estadão, “todo este desenho já estava sendo construído e foi amplamente discutido na semana passada, durante a visita do presidente da Argentina ao Brasil, Mauricio Macri”.

Porém, um problema terá ainda que ser superado, de acordo com fontes do Exército Brasileiro.

A cúpula das Forças Armadas venezuelanas está comprometida com Maduro.
“Na avaliação dos oficiais brasileiros, eles foram corrompidos a ponto de existirem mais de dois mil generais, número considerado absurdo. No Brasil existem cerca de 150 generais.”

De qualquer forma, ninguém acredita que esses generais terão a ousadia de enfrentar a massa popular.

Nicolas caiu de maduro...


da Redação

Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055