martins em pauta

quarta-feira, 23 de janeiro de 2019

Ceará tem mais um dia de ataques com incêndio em posto de combustível

Quarta, 23 de Janeiro de 2019


por João Valadares | Folhapress

Foto: Reprodução/ TV Globo


O Ceará teve mais um dia de ataques na manhã desta quarta-feira (23) com o incêndio de uma van que estava estacionada no bairro Conjunto Palmeiras, em Fortaleza. É terceira semana consecutiva da onda que atinge o estado. 

Na noite de terça-feira (22), um posto de combustível em Caucaia, na região metropolitana da capital cearense, ficou parcialmente destruído depois que homens atearem fogo no local. Eles ainda não foram identificados pela polícia. 

As chamas no posto de combustível tiveram início quando um carro que havia sido roubado foi incendiado ao lado das bombas de gasolina. Conforme informações oficiais, os criminosos incendiaram uma van por volta das 6h30. Os suspeitos quebraram o vidro do veículo, que estava estacionado em frente à casa do proprietário, e atearam fogo. Ninguém foi preso.

Um dos homens suspeitos de participação na ação criminosa acabou ferido. Ele foi socorrido por outro que o acompanhava, mas os dois conseguiram fugir. Também na noite de terça-feira, uma ameaça de bomba no terminal de passageiros de ônibus do bairro de Messejana, em Fortaleza, mobilizou a polícia militar. Uma mala foi abandonada dentro de uma lixeira. A área precisou ser isolada, mas, após vistoria, nenhum artefato explosivo foi localizado.

ONDA DE ATAQUES

Os ataques contra o patrimônio público e privado no Ceará tiveram início no dia 2 de janeiro. Até o momento, foram detidas 412 pessoas por suspeita de envolvimento nos crimes. Há o registro de 237 ataques em 50 cidades. A onda de violência começou após o governo do Ceará implantar a Secretaria de Administração Penitenciária para colocar em prática medidas de endurecimento contra os detentos.

Policiais da reserva foram convocados para reforçar o policiamento. Na capital, há 150 PMs aposentados nas ruas. O governo não divulgou o efetivo empregado no interior do estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055