martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sexta-feira, 10 de junho de 2022

Eletrobras é privatizada por R$ 100 bilhões

Sexta, 10 de Junho de 2022

Foto: Reprodução

A Eletrobras foi privatizada, finalmente. A companhia foi vendida por praticamente R$ 100 bilhões. Para ser preciso, R$ 96,6 bilhões. O cálculo, porém, é um pouco diferente do tradicional de uma desestatização, e isso se deve ao modelo adotado. A União Federal deixou de ser controladora da empresa. Embora o BNDES tenha vendido ações na oferta global, a perda do controle ocorreu principalmente pela diluição da participação do governo com a emissão de novas ações.

Como resultado da transação, o governo terá menos de 45% do capital social da companhia. Demorou um bocado, mas saiu. Ninguém mais acreditava, até a decisão do Tribunal de Contas da União (TCU) liberar o negócio e o prospecto da oferta ser publicado em seguida.

O valor da privatização é o equivalente ao novo capital social da companhia, ou seja, à nova quantidade total de ações multiplicado por R$ 42,00. Esse foi o preço que os investidores consentiram em investir no negócio. A demanda total, nesse valor, foi equivalente a duas vezes o livro, em um dos ambientes mais desafiadores para o mercado de ações desde o 11 de setembro de 2001.

Contudo, as características da empresa ajudaram a demanda a aparecer: negócio com grande ativo fixo, geração de caixa previsível e potencial de melhoria operacional muito significativo nas mãos da iniciativa privada. Do valor total da oferta, de R$ 33,6 bilhões, mais de R$ 30 bilhões vão reforçar o caixa da companhia, considerando a oferta base e mais o greenshoe.

De tudo que foi vendido, o investidor individual, de varejo, assumiu R$ 9 bilhões, ou 27%. Desse valor, R$ 6 bilhões foram recursos do FGTS colocados na empresa e o restante, por meio de participação direta adquirida por meio de corretoras.

O novo valor de mercado — se sustentado — coloca a Eletrobras entre as 10 empresas mais valiosas da bolsa brasileira, passando a superar companhias como B3, Suzano, JBS e Itaúsa. O tamanho da Eletrobras em relação à segunda maior empresa de energia listada na bolsa, a Engie Brasil, aumentou de duas para três vezes.

Nos três primeiros meses do ano, a empresa teve receita líquida de R$ 9,1 bilhões, 12% acima de igual período de 2021. O lucro líquido passou de R$ 1,6 bilhão para R$ 2,7 bilhões nessa mesma comparação. A capitalização vai reforçar o balanço do negócio de forma significativa, uma vez que ao fim de março a dívida líquida estava em R$ 20,5 bilhões — o caixa estava pouco acima de R$ 15,5 bilhões. Portanto, com os recursos novos, a liquidez da companhia mais do que dobra, considerando o ingresso líquido de capital.

Em Brasília, ainda que ninguém por enquanto leve fé, começam a ecoar, cada vez mais frequentemente, planos e desejos para privatização da Petrobras. Difícil acreditar que o projeto avance. Muito menos rapidamente. Mas é um começo. A estatal rende já bastante frutos ao governo via tributos, mais do que dividendos — mesmo elevados. A petroleira é a maior companhia da B3, avaliada atualmente em cerca de R$ 410 bilhões.

Exame

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. E o Bozó vai usar essa grana em q? Aumentar o valor do auxílio Brasil??
    Servidor que rala e muuuuito n recebe reajuste QQ, nem pra amenizar essa inflação descontrolada.

  2. OS VAGABUNDOS PETISTAS ESQUERDOPATAS ESTAO CHORANDO UMA BOQUINHA A MESMO PARA EMPREGUISMO E ROUBAR FALTA PETROBRAS

  3. Isso, falta agora a Petrobrás, e no estado, a caern!
    Aí sim, o negócio anda,. Tem muita gente desempregada, conheço dezenas que trabalhavam na área de petróleo, hoje estão se virando como podem pra alimentar suas famílias.
    Tudo isso por conta da política sebosa que tá tomando conta de tudo e enchendo os próprios bolsos.
    E o povo,que se vire!

    1. Começou como um liberal econômico e terminou falando como um tiranete comunista. O amigo tá precisando se articular melhor. Se quer usar a ironia, tem que ficar claro para quem lê.

    2. Se privatizar o negócio vai andar, pq do jeito que tá, só tá bom pra quem é concursado e pra quem tem ações!
      Mais para o trabalhador só tem chibata!
      Privatizar é preciso, veja lá em Mossoró, o negócio tá fervendo, não são os salários melhores do mundo, mais tá empregando um monte família novamente!

  4. Menos uma boquinha para esquerda distribuir os cargos aos cumpanheiros.
    A esquerda revoltada, menos uma boquinha para chamar de sua, como fizeram com a petrobras e gritaram: “o petróleo é nosso”.
    Com o detalhe que não teve favorecimento, foi um processo aberto, público e sem empresa carimbada como ocorria nos tempos que só a Odebrecht, UTC, Camargo Correia, as empresa de Eike Batista e a JBS ganhavam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055