martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 28 de março de 2022

Governador da Flórida toma dura decisão e acirra debate sobre atletas trans em provas contra mulheres (veja o vídeo)

Segunda, 28 de Março de 2022

O governador do estado americano da Flórida, Ron DeSantis emitiu uma nota oficial reconhecendo a nadadora Emma Weyant como a melhor nadadora americana nas 500 jardas (unidade de medida equivalente a cerca de 457 metros) estilo livre, mesmo após ela ter chegado em segundo lugar na prova que decidiu o título da categoria na liga universitária, disputada na semana passada.

A medalha de ouro ficou com LiaThomas, nadadora trans, que tem batido diversos recordes da modalidade nos EUA.

"Ao permitir que os homens compitam nos esportes femininos, a NCAA está destruindo as oportunidades para as mulheres, zombando de seus campeonatos e perpetuando uma fraude. Na Flórida, rejeitamos essas mentiras e reconhecemos Emma Weyant, de Sarasota, como a melhor nadadora feminina nas 500 jardas estilo livre", escreveu DeSantis em sua conta oficial no Twitter, reproduzindo o documento em que reconhece Emma Weyant como a legítima campeã.

Ao assumir o duro posicionamento, o governador da Flórida não só peita os movimentos LGBTI+, como inicia uma verdadeira guerra contra celebridades, representantes da mídia e setores da política que encamparam a agenda progressista e lacradora.

A decisão, entretanto, é uma provocação às federações e confederações pelo mundo, de todas as modalidades esportivas, para que assumam um posicionamento definitivo sobre permitir que homens biológicos, ainda que trans e com tratamentos hormonais, possam competir contra mulheres.

No Brasil, a deputada federal Bia Kicis (PSL-DF) entrou pra valer no debate e protocolou um Projeto de Lei para que, ao menos no que se refere aos esportes, a biologia seja respeitada para evitar injustiças e o desrespeito contra as mulheres.

A questão também tem pegado fogo entre o público que acompanha as competições, como em um vídeo que viraliza nas redes, em que uma mulher e um rapaz discutem nas arquibancadas da arena, na piscina onde o campeonato universitário dos Estados Unidos foi disputado, logo após a conquista da medalha de ouro por Lia Thomas.

E você, leitor, o que acha de homens trans disputando provas esportivas contra mulheres?

Veja os vídeos:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055