martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sexta-feira, 20 de agosto de 2021

Mario Frias diz que ‘tratar Sérgio Reis como ameaça compromete cultura nacional’

 Sexta, 20 de Agosto de 2021

Foto: Reprodução

O Secretário Especial da Cultura do governo Bolsonaro, Mario Frias, foi às redes sociais opinar sobre a investigação envolvendo o cantor Sérgio Reis. Em um post curto, ele diz que “Quando um artista da relevância e da importância do Sérgio Reis é tratado como uma ameaça ao Estado de Direito, isso compromete a cultura nacional, pois não há cultura artística sem liberdade. Deus proteja nossa nação.”

Nesta sexta, o ministro do STF Alexandre Moraes autorizou mandados de busca e apreensão contra o cantor e o outros nove investigados por organizar um ato para o dia 7 de setembro em favor do impeachment dos membros do Supremo e em defesa do voto impresso nas próximas eleições. A decisão também impede que os investigados participem de qualquer evento em ruas e monumentos no Distrito Federal.

Segundo no comando da secretaria, André Porciúncula, secretário de Fomento e Incentivo, replicou o post de Frias em seu perfil no Twitter, repetindo a frase: “Não há cultura sem liberdade!”

Após a divulgação de um áudio em que o cantor sertanejo convoca atos antidemocráticos em defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Depois de Gutemberg Guarabyra, famoso pela dupla com o cantor e compositor Luiz Carlos Sá, anunciar que não participará mais do novo disco de Sergio Reis, os cantores Maria Rita e Guilherme Arantes comunicaram ao GLOBO que também deixaram o álbum.

A decisão de ambos acontece diante da divulgação de um áudio em que Sergio, em defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), convoca uma paralisação de caminhoneiros e produtores de soja, em setembro, até que o Senado afastasse os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de seus cargos.

O caso é alvo de operação da Polícia Federal, que cumpre mandados de busca e apreensão expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o cantor Sergio Reis e o deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ).

O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055