martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 19 de agosto de 2021

Deputado mostra prova aplicada em escola pública onde professor faz militância e ataca Bolsonaro (veja o vídeo)

 Quinta, 19 de Agosto de 2021

Através das redes sociais, o deputado estadual do Ceará, André Fernandes fez uma grave denúncia sobre um fato ocorrido em uma escola municipal em Fortaleza.

Na publicação, o deputado mostra um exame de Geografia formulado e aplicado pelo professor Carlos Vasconcelos para estudantes do Ensino de Jovens e Adultos (EJA), na Escola Municipal Florival Alves Seraine.

Algumas das questões apresentadas na prova foram formuladas de tal maneira que, para conseguir ‘acertar’ a resposta, o aluno deve, obrigatoriamente, criticar o presidente Jair Bolsonaro.

Em uma das questões, o professor questiona aos alunos quem é o culpado pelas mortes causadas pela covid-19 no Brasil. Entre as opções de resposta, consta o nome do presidente, que é a opção que deveria ser marcada para que o aluno ‘acertasse’.

“Algo que deveria ser uma opção, ele colocou como se fosse certeza, e quem não concordar pode até zerar em uma prova dessas”, apontou o deputado, no vídeo em que mostra a prova aplicada pelo professor.

Em outra questão do mesmo exame, o professor critica o presidente ao questionar o nome dos medicamentos utilizados para o tratamento da doença:

“O presidente Jair Bolsonaro, mesmo sem ser médico e não tendo nenhuma formação na área de saúde, estava prescrevendo medicação sem nenhuma confirmação de eficácia comprovada para a população brasileira, remédio para o combate ao coronavírus. Quais os nomes destes medicamentos?”.

Revoltado, Fernandes já afirmou que comunicará o ocorrido à Advocacia-Geral da União (AGU), e denunciará a questão na Secretaria Municipal de Educação de Fortaleza, para que sejam tomadas as providências para evitar este tipo de doutrinação dentro das escolas, e sobre este caso em específico.

“Isso aqui que estou em mãos [a prova] é um absurdo, chega inclusive a ser crime”, declarou ele, indignado.

Assista ao vídeo:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055