martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021

Ex-colegas na procuradoria manifestam apoio a Bia Kicis e atestam sua idoneidade

 Sexta, 11 de Fevereiro de 2021



Em nota, a diretoria da associação elogiou a postura e o trabalho da deputada, quando ainda exercia o cargo de procuradora no DF.

“Sempre agindo com esmero e demonstrando liderança entre seus pares, tratando todos de forma cordial e respeitosa. A APDF está certa de que a indicada possui todos os atributos necessários para o exercício de tão elevado cargo e que seu virtuoso histórico de atuação como advogada pública, sua inteligência, idoneidade, liderança, cordialidade e incansável dedicação à coisa pública, lhe credenciam a contribuir de forma relevante com os trabalhos a serem realizados na CCJ”.

A deputada retribuiu o carinho dos ex-colegas de trabalho e disse:

“Fiquei muito honrada com apoio da Casa onde trabalhei durante 24 anos. Apoio de pessoas que conhecem minha vida profissional, que estão atestando minhas capacidades técnica e intelectual, não só isso, mas a capacidade política de lidar com as pessoas, de ser democrática, inclusiva, e, assim, será pautada a minha atuação, se honrada for com a presidência da CCJ."

Oposição e, inexplicavelmente, membros do Supremo Tribunal Federal (STF) resistem ao nome de Kicis para a CCJ. Esta comissão tem a competência de apreciar todos os projetos que tramitam na Câmara, antes que eles sejam votados em Plenário pelos Senhores Deputados. Avalia os aspectos constitucional, legal e jurídico das proposições.

À princípio, não existem regras para a distribuição das presidências dos colegiados. As normas em vigor garantem a participação dos diferentes partidos, em número proporcional, no conjunto dos membros das comissões. Mas, as presidências são definidas por eleição com voto secreto.

Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055