martins em pauta

sábado, 18 de novembro de 2017

Presidente da Fiesp fraudou licitação para pagar por patos infláveis, diz delator

Sábado, 18 de Novembro de 2017 

Foto: José Cruz/Agência Brasil

O presidente da Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf, fraudou uma licitação de publicidade do Sesi e Senai em 2015 para pagar pela campanha “Chega de pagar o pato”, colocada em prática em meio ao processo de impeachment contra a ex-presidente Dilma Rousseff. De acordo com o jornalista Guga Noblat, do jornal O Globo, a acusação foi feita em delação premiada do marqueteiro Renato Pereira. Ele é dono da agência Prole, responsável por realizar a campanha publicitária da Fiesp, que, entre outras ações, colocou 5 mil patos infláveis em frente ao Congresso Nacional. Skaf é filiado ao PMDB e foi candidato ao governo do estado de São Paulo em 2014. Na delação, Pereira também delatou outros integrantes da legenda, como Marta Suplicy, Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget