martins em pauta

sábado, 30 de setembro de 2017

‘Ô, meu, se é batom na cueca faz delação’, diz Joesley em nova gravação

Sábado, 30 de Setembro de 2017 

Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil

Gravações recuperadas pela Polícia Federal e recuperadas pela revista Veja revelam conversas em que Joesley Batista aconselha um interlocutor sobre como lidar com investigações. "Ô, meu, é a coisa mais simples do mundo, porque se você tem problema e o problema é, como se diz, batom na cueca, ô, meu, corre lá e faz a porra dessa delação", disse o delator a uma pessoa chamada Gabriel. De acordo com a Veja, o interlocutor seria o deputado Gabriel Guimarães (PT-MG). Ao parlamentar, Joesley comentou também que políticos devem passar a fechar acordos de delação premiada. "É a próxima onda. Começou com os operadores fazendo delação, aí começou depois os empresários, agora os políticos. Depois dos políticos eu não sei quem mais vai delatar, vai ser o Judiciário?", disse. Nos novos áudios, o sócio do frigorífico JBS revela que conversou com o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) sobre o andamento das negociações do acordo de leniência junto à Procuradoria-Geral da República (PGR). Joesley está preso desde o dia 10 deste mês, acusado de descumprir o acordo de delação premiada firmado com a PGR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget