martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

PF faz operação contra fraude de mais de R$ 500 milhões no DNIT

Terça, 15 de Dezembro de 2020


Fraudes apuradas teriam ocorrido em obras rodoviárias do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes.

Como parte da 4ª fase da Operação Rota BR-090, a Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta terça-feira (15), sete mandados de busca e apreensão e o impedimento de três empresas em Uberlândia (MG). Ao todo, a ação investiga supostas irregularidades em contratos de mais de R$ 1 bilhão.

As fraudes apuradas teriam ocorrido em obras rodoviárias do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). O prejuízo estimado supera os R$ 500 milhões aos cofres públicos. Nesta etapa, a operação recebe o nome de ZigZag 2. Em outras fases, 12 servidores foram afastados das funções, sendo quatro ex-superintendentes.

Nesta manhã, três mandados são cumpridos em residências, um em empresa e outro em um órgão público. Os alvos ainda não haviam sido divulgados, o que deve acontecer durante uma entrevista coletiva marcada para 10h em Belo Horizonte.

Além dos mandados de busca e apreensão, agora um servidor foi afastado e a Justiça autorizou o bloqueio de quase R$ 50 milhões dos investigados. A Polícia Federal tem apoio da Controladoria-Geral da União (CGU) e Ministério Público Federal (MPF) na ação.

Os crimes investigados são corrupção ativa e passiva, peculato, organização criminosa, fraude ao caráter competitivo de procedimentos licitatórios e fraude na execução de contratos. Se condenados, os alvos podem ter pena de até 40 anos de prisão.

(Pleno News)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055