martins em pauta

domingo, 19 de novembro de 2017

Juízes vão ao STF questionar liberdade de deputados presos

Domingo, 19 de Novembro de 2017

País sem futuro


Jayme Martins reage (Foto Web)

Do UOL

Após a Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) revogar a prisão e restituir os mandatos dos deputados peemedebistas Jorge Picciani, presidente da Casa, Paulo Melo e Edson Albertassi, nesta sexta-feira (17), o presidente da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros) informou que a entidade vai entrar com uma ação pedindo esclarecimentos ao STF (Supremo Tribunal Federal) sobre a decisão da Corte usada pela Alerj para reverter medidas cautelares contra os parlamentares.

“Só juiz tem competência no Brasil para assinar alvará de soltura e decretar prisão”, afirmou Jayme Martins de Oliveira Neto, ao comentar a decisão dos deputados cariocas, tomada ontem (veja AQUI).

Saiba mais detalhes sobre esse caso clicando AQUI.


Nota do Blog – O que ocorreu no Rio de Janeiro já tinha acontecido anteriormente no Senado, com o caso Aécio Neves (PSDB), no Mato Grosso e no Rio Grande do Norte.

Tudo deriva de decisão do próprio STF, que parece ter feito essa interpretação para salvaguardar interesses políticos do senador Aécio Neves e de outros parceiros congressistas.

Agora, está diante dessa barafunda. Legislativos pelo país se transformaram em colegiados judiciais, que protegem seus integrantes em apuros com a Justiça e em alguns casos, já postos no xilindró.

O Brasil é um país sem futuro. Caso perdido. Quem quiser que teime. Essa récua vai continuar mandando e desmandando, se apropriando da coisa pública e asfixiando a maioria da população, que deveria ser atendida pelo Estado e não expropriada.


Fonte: Blog de Carlos Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget