martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 22 de novembro de 2021

Na reinauguração do Bar Amarelinho, esquerda escancara toda a sua hipocrisia e desrespeito com o povo

Segunda, 22 de Novembro de 2021

“Bar Amarelinho da Cinelândia, fechado desde o início da pandemia, abre com evento para duas mil pessoas”.

Esta foi a manchete da sexta-feira (19), do jornal O Globo, sobre a reabertura de um dos mais tradicionais bares do Rio de Janeiro, na região da Cinelândia, famosa por seus bares e sua noite boêmia.

Duas mil pessoas, com show ao vivo e distribuição de cem barris de chope, de graça!

No dia seguinte, o sábado (20), outra manchete de O Globo, agora durante a reinauguração.

“Reabertura do bar Amarelinho da Cinelândia tem samba, chope de graça e não afasta clientes mesmo com chuva.

Mas o ‘absurdo’ não estava aí, até porque, jamais consideramos que o fechamento de comércios e empresas em geral seria a solução para a pandemia. O ‘fique em casa e a economia a gente vê depois’, nunca foi o caminho correto, e o terrível resultado foi visto com os ataques à liberdade das pessoas, o fechamento de milhares de empresas e, agora, a dura recuperação de famílias inteiras que perderam tudo.

O absurdo estava na 'surpresa' (ou não) dos rostos que surgiram nas fotos publicadas pelo jornal. No meio da aglomeração, felizes e 'na maior cara de pau', os parlamentares esquerdopatas que mais atuam na oposição ao governo Bolsonaro e que mais ‘gritaram’ contra as aglomerações e a falta de uso de máscara até outro dia.

Os deputados federais Marcelo Freixo (PSOL-RJ) e Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e o ex-senador e atual vereador carioca, Lindbergh Farias (PT), além do jornalista da Rede Globo, Chico Pinheiro.

Todos à vontade, ninguém em casa, nenhum deles com máscara… e todos sequer precisaram ‘ver a economia depois’, pois seus gordos salários foram pagos em dia durante toda a pandemia’.

O retrato da mais sórdida hipocrisia. A típica atitude de quem ‘cospe na cara do povo’ e explora o sofrimento e a ignorância. O cinismo de quem defende o socialismo e desfruta do melhor que o capitalismo pode oferecer:

A Liberdade!

Até quando aceitaremos, submissos, que essa gente diga o que devemos fazer?

Fonte: Jornal da cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055