martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 3 de janeiro de 2021

Os concursos públicos vão voltar com tudo em 2021. Confira os previstos

Domingo, 03 de Janeiro de 2021

Os concursos públicos vão voltar com tudo em 2021. Confira os previstos

Seguir carreira pública é algo que enche os olhos de boa parte da população e, em 2021, a tendência é que não faltem oportunidades para os concurseiros de carteirinha.

Trata-se de uma retomada, após um ano atípico, em que muitos certames acabaram cancelados, devido ao avanço da pandemia do novo coronavírus no Brasil.

Entre eles, está o da Polícia Federal, que definiu o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) como banca organizadora. Com 1,5 mil vagas, a previsão é que o edital saia em janeiro. São 893 postos para agente, 400 para escrivão, 123 para delegado, e 84 para papiloscopista.

A corporação quer celeridade no processo para que, em agosto, os aprovados já ingressem na academia e o provimento de cargos ocorra até 31 de dezembro de 2021. Excedentes também poderão ser chamados.

Trata-se do segundo maior concurso já realizado pela corporação. Ao final do processo, a PF contará com o maior efetivo de sua história, podendo ultrapassar a marca de 12 mil policiais.

Assim como o certame da PF, o concurso da Polícia Rodoviária Federal (PRF) terá o Cebraspe como banca organizadora para a contratação de 1,5 mil agentes. O pleito será lançado na segunda quinzena de janeiro de 2021 e a remuneração é de R$ 10 mil.

No Distrito Federal, a Polícia Militar também planeja um novo concurso, com 2,1 mil vagas para soldado, no fim de 2021. A PM trabalha no planejamento do certame junto ao Governo do DF, a fim de obter as autorizações necessárias e colocar o certame na praça.

Além dos já citados, confira alguns dos mais aguardados concursos em 2021. Confira:

Receita Federal

  • 3.314 vagas; nível superior (auditor fiscal e analista tributário);
  • Auditor fiscal: R$ 20 mil;
  • Analista tributário: R$ 12 mil.

Banco Central (Bacen)

  • 260 vagas de nível superior e médio;
  • Procurador: R$ 20.109,56;
  • Analista: R$ 18.057,94;
  • Técnico: R$ 6.851,13.

Secretaria do Tesouro Nacional (STN) 

  • 120 vagas de nível médio e superior;
  • Auditor fiscal do Tesouro Nacional: remuneração entre R$ 19,6 mil e R$ 27 mil;
  • Técnico de finanças e controle: salário inicial varia entre R$ 6.882,57 e R$ 7.309,13.

Fundação Nacional do Índio (Funai)

  • 826 vagas para os níveis médio e superior;
  • Remunerações iniciais de R$ 5.482,07 e R$ 6.693,87, respectivamente.

Instituto Nacional de Câncer (INCA) 

O pedido foi encaminhado para o Ministério da Saúde e também aguarda autorização da pasta da Economia. O número de vagas não foi divulgado.

Baseado nos anteriores, no entanto, a remuneração inicial é de R$ 5.821,50 para cargos de nível médio e técnico, e de R$ 10.694,23 para cargos de nível superior.

Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq)

  • Total de 109 vagas para os cargos de: analista administrativo, técnico administrativo, especialista em regulação de serviços de transportes aquaviários e técnico em regulação de serviços de transportes aquaviários;
  • Segundo os editais passados, a remuneração equivale a R$ 7 mil para técnico, R$ 13 mil para analista e R$ 15 mil para especialista.

Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais (Ibama)

O edital do Ibama é aguardado deste 2019. A expectativa é de selecionar mais de 2 mil profissionais. Os salários chegam a R$ 7,6 mil.

Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)

O concurso pode oferecer cerca de 400 vagas. Os salários chegam a R$ 15 mil.

Tribunal de Contas da União (TCU)

Para o TCU, a expectativa é de 20 vagas. Os salários variam entre R$ 7 mil e R$ 12 mil, sem contar os benefícios.

Controladoria-Geral da União (CGU) 

Foi solicitado um novo certame destinado aos níveis médio e superior. O número de vagas solicitadas, porém, não foi divulgado. A remuneração deve seguir as seguintes cifras:

  • Nível superior: R$ 19.197,06, com perspectiva de alcançar R$ 27.369,67;
  • Nível médio: R$ 7.283,31, com perspectiva de alcançar R$ 12.514,58.

Comissão de Valores Mobiliários (CVM)

A CVM precisa de inspetores, analistas e agentes executivos. Os salários variam entre R$ 19,1 mil para os graduados, e R$ 7 mil para quem tem ensino médio completo.

Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN)

A seleção é esperada para 2021, com salários que podem chegar a R$ 7 mil.

Anvisa

  • 89 vagas, para os cargos de técnico administrativo, técnico em regulação e vigilância sanitária, analista administrativo, e especialista em regulação e vigilância sanitária.

IBGE – Censo Demográfico 

  • Vagas/cargo: recenseador (180.557); agente censitário municipal (5.462); e agente censitário supervisor (22.676);
  • Remuneração: recenseador – média de R$ 1.278,94 para jornada de 25 horas semanais; no cargo de agente censitário municipal, corresponde a R$ 2,1 mil; de agente censitário supervisor, na faixa de R$ 1,7 mil;
  • Banca: Cebraspe.

Senado Federal 

  • Nível médio: 24 vagas para técnico legislativo (policial legislativo);
  • Nível superior: quatro vagas para advogado e 12 vagas para analista legislativo;
  • Remuneração: R$ 18.591,18 a R$ 35.114,14.

Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

Em publicação no Diário Oficial da União do dia 2 de dezembro de 2020, foram autorizadas 32 vagas para provimento – 15 para o cargo de analista judiciário e 17 para o cargo de técnico judiciário. A remuneração é de, aproximadamente, R$ 12 mil.

Metrópoles / Terra Brasil Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055