martins em pauta

sábado, 18 de agosto de 2018

Ministro do STJ nega liminar para suspender condenação de Garotinho

Domingo, 19 de Agosto de 2018

Foto: Inacio Teixeira/ Coperphoto


O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Benedito Gonçalves negou nesta sexta-feira (17) um pedido para suspender a decisão que condenou o ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho (PRP), por improbidade administrativa. Candidato ao governo do estado na eleição deste ano, ele os direitos políticos cassados por 8 anos e ainda terá que pagar multa R$ 2 milhões por danos morais.


De acordo com informações da Agência Brasil, o ministro do STJ alegou que não tem competência para analisar o caso porque há outro recurso pendente de julgamento na segunda instância da Justiça do Rio de Janeiro. A defesa sustenta que Garotinho continua ficha limpa. "A solicitação foi para anular o acórdão, que é flagrantemente ilegal, pois sequer houve advogado de defesa presente no julgamento", diz nota divulgada pela assessoria do candidato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055