martins em pauta

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Com mais aceitação, Planalto libera mais R$ 72 mi para publicidade da reforma da Previdência

Sexta, 01 de Dezembro de 2017

Foto: Agência Brasil

Animado com a primeira pesquisa após a divulgação de peças publicitárias sobre a reforma da Previdência, o Planalto liberou mais R$ 72 milhões para reforçar a comunicação da proposta. Segundo informações da coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, levantamentos pagos por parlamentares do Nordeste indicam que a aceitação da proposição cresceu notavelmente, principalmente nas classes D e E. A maior fatia do novo aporte será aplicado para ampliar a exibição das propagandas que defendem as novas regras da Previdência. Uma parte menor será usada para divulgar o programa avançar. Nas consultas feitas pelos parlamentares, há indícios de que começou a pegar o mote “combate aos privilégios”. A cúpula do governo avalia que o momento em que o narrador da peça publicitária diz a uma empregada doméstica que nada vai mudar para ela foi o de maior aceitação. Paralelamente, o presidente Michel Temer pede apoio em todas as audiências. Nesta quarta (29), admitiu a um grupo de parlamentares que a estratégia “pode dar certo ou não”. “Mas estou fazendo a minha parte”, disse. Na contramão, deputados que resistem ao projeto começaram a defender que ele seja reduzido à idade mínima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget