martins em pauta

terça-feira, 28 de novembro de 2017

Protesto no Detran registra prisões e mulher arrastada por PM

Terça, 28 de novembro de 2017


Um protesto feito por sindicalistas nesta segunda-feira, 27, em frente ao portão de acesso do Departamento Estadual de Trânsito, o Detran, resultou na condução de três manifestantes à Delegacia Geral da Polícia Civil, a Degepol. A Polícia Militar, por meio de nota, relatou os motivos de duas das prisões.

De acordo com a Associação dos Docentes da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, a Aduern, o protesto teve início às 9 horas. Policiais militares, conforme dito pela entidade, teriam chegado ao local de forma truculenta e, ao perceberem a resistência dos manifestantes, derrubaram e imobilizaram alguns deles.

Em nota, a PM explicou que “foi acionada por funcionários terceirizados do Detran que informavam que manifestantes impediam o acesso de pessoas às dependências do órgão”. O texto ainda relata a versão da corporação sobre os acontecimentos.

“A PMRN ao chegar no local foi hostilizada pelos manifestantes. Os policiais solicitaram que fosse respeitado o direito de ir e vir de pessoas que necessitavam entrar no estabelecimento público. Um policial militar que estava negociando foi agredido fisicamente por um dos manifestantes; o agente de segurança imediatamente deu voz de prisão ao agressor. Uma segunda pessoa foi detida em decorrência de obstrução à atividade policial”, está escrito na nota.

Vídeos gravados por manifestantes, e que circulam nas redes sociais, mostram a servidora da Saúde do Estado Maria do Carmo sendo arrastada por policiais. Ela e os diretores do Sindicato dos Servidores em Saúde do RN, o Sindsaúde, Rosália Fernandes e João Assunção foram levados à Degepol, que fica no bairro de Cidade da Esperança, na Zona Oeste. Todos foram liberados horas após a prisão.

A nota da PM diz que a corporação “utilizou de força proporcional às ofensas e agressões perpetradas pelo grupo de manifestantes, e lamenta profundamente o ocorrido”.

VIA PORTAL NO AR / O Natalense

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget