martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

sexta-feira, 19 de novembro de 2021

“Menores vítimas da sociedade” promovem quebra-quebra em centro socioeducativo de Fortaleza (veja o vídeo)

 Sexta, 19 de Novembro de 2021


 


A história que diz que menores da Fundação Casa quebraram uma TV de 55 polegadas, após a instituição receber o aparelho é falsa! Ao procurar por mais informações sobre o vídeo, descobrimos que ele foi gravado no Brasil. Entretanto, a situação não ocorreu na Fundação Casa. O caso aconteceu em uma sala de aula, no Centro Socioeducativo Patativa do Assaré, em Fortaleza (CE). Além disso, de acordo com a Seas, responsável pela instituição, o caso foi classificado como Evento Simples em decorrência de uma crise. Como é possível ver, o caso ocorreu por uma questão e o quebra-quebra não foi pelo simples prazer da destruição. Ou seja, a história não passa de balela.

Agora, sim, vamos analisar a história.

Primeiro informamos, para registro, que a sigla Seas significa Superintendência do Sistema Estadual de Atendimento Socioeducativo.

Quanto às cenas de selvageria, estas não são “balela”, e ocorreram, ainda que em Fortaleza. Foram gravadas no dia 8 de novembro (informação do site checador). Os jovens, que parecem bem alimentados, limpos e em um ambiente que lembra uma sala de aula, provavelmente estariam ali para aprender alguma coisa – talvez uma das muitas tentativas de reeducação.

Mas o fato, ainda que tenha ocorrido “por uma questão e não pelo simples prazer de destruição”, como destaca o site checador, jamais isentaria ou justificaria qualquer depredação de patrimônio público. Além da TV, foram quebradas cadeiras e também um ventilador.

Alguns dos que estavam promovendo as cenas, talvez estejam ali só porque “pegaram um celular”, como disse outro dia um ex-presidente e ex-presidiário.

De qualquer forma fica registrada “a revolta dos que são apenas vítimas da sociedade”, e tudo com informação precisa, pra ter certeza de que não estamos fazendo fake news!

Assista e tire suas conclusões:

  • Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055