martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 20 de agosto de 2020

Fachin é derrotado: TSE rejeita punir “abuso de poder religioso”

 Quinta, 20 de Agosto de 2020

Na sessão, o ministro Luis Felipe Salomão, destacou “não haver previsão legal” que combata especificamente o tal 'abuso religioso' e alertou quanto a questão do ‘subjetivismo’, em que cada um pode chegar à conclusão diversa.

A rigor, a legislação eleitoral prevê três tipos de abuso que podem levar à perda do mandato: o político, o econômico e o uso indevido dos meios de comunicação.

Fachin pretendia elencar mais uma categoria, o propalado "abuso de poder religioso". Na realidade, mera e antiga birra do magistrado.

O ministro Og Fernandes acompanhou Salomão e mencionou que não é preciso de uma categoria nova para punir eventuais abusos na eleição.

Fachin perdeu…

Fonte: G1

da Redação / Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055