martins em pauta

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Marcelo Odebrecht diz que vice-presidente jurídico do grupo ajudou a destruir provas

Segunda, 05 de Fevereiro de 2018 

Foto: Globo News

Preso na Operação Lava Jato, o executivo Marcelo Odebrecht declarou à Polícia Federal (PF) que seu cunhado e vice-presidente jurídico do grupo, Maurício Ferro, ajudou a acabar com o Setor de Operações Estruturadas, conhecido como "Departamento de Propinas". O depoimento segue sob sigilo, mas, segundo informações da Folha de S. Paulo, Marcelo disse que ele próprio pediu a Ferro para extinguir o setor, destruindo as eventuais provas dos crimes. De acordo com o delator, isso aconteceu em 2015, quando ele ainda presidia o grupo. Já Ferro, que não integra o grupo de delatores da Odebrecht, está na vice-presidência jurídica desde 2016. Antes, ele ocupou o mesmo cargo na Braskem, petroquímica formada pela Odebrecht com a Petrobras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget