martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

terça-feira, 17 de janeiro de 2023

Por que Glenn Greenwald tira o sono da esquerda e de Moraes?

Terça, 17 de Janeiro de 2023

Gleen, mais conhecido entre os conservadores com Verdevaldo (apelido carinhoso), vem registrando em seus programas jornalísticos o momento delicado que a democracia brasileira vem passando, em especial pelos constantes bloqueios das redes sociais de políticos e influenciadores de direita, classificando tais atos como censura

A mais enfática crítica foi registrada esta semana em defesa de Nikolas Ferreira que teve suas redes sociais inexplicavelmente censuradas.

Nikolas Ferreira é um vereador mineiro, eleito deputado federal com a maior votação em todo Brasil.

Gleen fez questão de frisar sua discordância política do Nikolas,  mas hipotecou irrestrita solidariedade em nome da liberdade de expressão.

Outra manifestação pública do Gleen foi em decorrência da decisão de Alexandre de Moraes em prender o ex-ministro da justiça e o ex-comandante da polícia militar do DF,  em seguida aos atos de vandalismo ocorridos em Brasília no dia 8 de janeiro.

“Existe agora, ou já existiu, uma democracia moderna onde um único juiz exerce o poder que Alexandre de Moraes possui no Brasil. Não consigo pensar em nenhum exemplo sequer próximo?”, escreveu Glenn Greenwald nas redes sociais.

Mas por que o Verdevaldo faz a esquerda e Alexandre de Moraes perderem o sono?

O Gleen é assumidamente de esquerda, companheiro do deputado federal David Miranda (ex-PSol) que assumiu o mandato no lugar de Jean Willys.

E mais do que isso, Gleen é, dentre tantas outras honrarias, ganhador do prêmio Pulitzer,  o mais importante prêmio jornalístico do mundo.

Suas opiniões são respeitadas e ultrapassam fronteiras.

Hoje o mundo sabe o que ocorre no Brasil por uma fonte crível e de esquerda.

Foto de Henrique Alves da Rocha

Henrique Alves da Rocha

Coronel da Polícia Militar do Estado de Sergipe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9 9151-0643

Contato : (84) 9 9151-0643