martins em pauta

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Médicos realizam assembleia e deflagram greve nesta segunda

Sexta, 10 de Outubro de 2017


Os médicos do estado decidiram entrar em greve nesta segunda-feira (13) devido aos constantes atrasos salariais, que segundo a categoria acumula dois meses de atraso. A decisão foi tomada em assembleia no Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte (Sinmed RN), na qual a decisão teve 100% de aprovação.

Segundo a categoria desde janeiro de 2016 que o Governo acumula dívidas com os servidores, sem apresentar calendários de pagamento, desrespeitando a legislação estadual que prevê o pagamento do funcionalismo até o último dia útil do mês.

Os médicos se juntam a as paralizações dos servidores da saúde, Detran, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Policia Civil, porém o governo já sinalizou que irá normalizar o pagamento da segurança pública até o dia 13 de novembro, para evitar que a categoria entre em greve.

A situação gerou preocupação da categoria médica e o presidente do Sinmed, Geraldo Ferreira, questionou sobre “quem o Governo vai prejudicar para manter os salários de apenas uma categoria em dia?”.

Outra categoria que não gostou da decisão foram os servidores da Saúde que estiveram presentes no Sinmed por meio de sua coordenadora, Simone Dutra, e enfatizou o momento de “união” das categorias para exigir o pagamento e demonstrou preocupação com a divisão de pagamento por categoria. “Ou dizemos que existimos ou seremos secundarizados nesta questão”, declarou Simone Dutra.

PROTESTO

Os sindicatos da saúde SOERN, SINDSAÚDE, SINDERN e SINMED RN, organizam um ato público para o dia 10 de novembro, no Hospital Walfredo Gurgel, a partir das 9h. de lá a caravana parte rumo a Governadoria, onde acontece a concentração do Ato do Fórum de Servidores do Estado.

VIA PORTAL NO AR / O Natalense

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget