martins em pauta

sábado, 29 de fevereiro de 2020

Justiça proíbe Suzane Von Richthofen de frequentar aulas na faculdade

Sábado, 29 de Fevereiro de 2020

Foto: Reprodução/Revista Veja

A Justiça não autorizou Suzane Von Richthofen frequentar aulas do cursos de Gestão do Turismo, no Instituto Federal de Educação, Ciência e tecnologia de São Paulo (IFSP) em Campos do Jordão (SP). Suzane passou para o curso de Gestão de Turismo na oitava colocação, por meio do Sistema de Seleção Unificada (SISU), com a nota 608,42.

A decisão da juíza Dra. Wânia Regina Gonçalves da Cunha leva em consideração o fato de que os condenados em regime semi-aberto somente podem frequentar cursos profissionalizantes ou superiores se eles estiverem disponíveis na mesma comarca em que fica o presídio. Suzane hoje cumpre pena na penitenciária de Tremembé (SP). 

Suzane von Richthofen, condenada pela morte dos pais, se matriculou na faculdade, mas não compareceu aos 10 primeiros dias letivos. Ela fez a matrícula por procuração e aguardava a decisão da Justiça para que pudesse frequentar as aulas, segundo o UOL. 

As aulas do curso de Gestão de Turismo no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) em Campos do Jordão (SP) começaram no último dia 5 e as regras da instituição taxam como desistente o aluno que não frequentar os 10 primeiros dias letivos sem apresentar justificativa comprovada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055