martins em pauta

sexta-feira, 8 de março de 2019

A estratégia de provar que Adélio Bispo é doente mental está dando certo

Sexta, 08 de março de 2019


Adélio Bispo, o homem que tentou matar o presidente Jair Bolsonaro, está tentando provar que é doente mental. Em entrevistas com psicólogos e psiquiatras ele disse que não cumpriu sua missão e que, saindo da cadeia, tentará matar Jair Bolsonaro de novo.

O laudo feito por peritos indicados pelo tribunal e obtido pela TV Globo recomenda que ele seja internado por tempo indeterminado num manicômio judicial. E a cada dois anos ele terá que passar por novos exames psicológicos para avaliação de sua condição clínica.

Com esse laudo de doente mental Adélio se livra da cadeia, já que não pode ser punido criminalmente se provado a doença mental. “O laudo aponta que ele tem um Transtorno Delirante Permanente-Paranoia e, por isso, foi considerado inimputável”, segundo o documento.

Já dá para sentir o cheiro de impunidade no ar. Com esse desfecho os reais mandantes do crime ficam ilesos e Adélio Bispo isento de punição criminal. E o país sem ter conhecimento de quem mandou e pagou para Adélio executar Bolsonaro.

Via: republicadecuritibaonline.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055