martins em pauta

domingo, 2 de julho de 2017

Estados Unidos adiam ingresso de militares transgênero nas Forças Armadas

Domingo, 02 de Julho de 2017 

Foto: Reprodução / Facebook

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Jim Mattis, adiou para seis meses a permissão para que militares transgênero ingressem nas Forças Armadas do país. De acordo com a Folha de S. Paulo, a porta-voz do Pentágono, Dana White, informou que a decisão aconteceu na sexta-feira (30), mas que o fato não irá interferir na vida das tropas transgêneros que já admitidos. "Depois de consultar os chefes de serviço e os secretários, determinei que é necessário adiar o início dos alistamentos por seis meses", informou Mattis por meio de um memorando enviado aos chefes e secretários de serviço. "Usaremos esse tempo adicional para avaliar mais cuidadosamente o impacto de tais acessos na prontidão e letalidade", complementou. O secretário de Defesa afirma ainda que a revisão da permissão deve ser concluída até 1º de dezembro e que o tempo adicional garantirá que ele tenha "o benefício das vistas da liderança militar e dos altos funcionários civis que agora estão chegando ao departamento". Militares transgênero passaram a servir livremente às Forças Armadas dos Estados Unidos desde o ano passado, quando o ex-secretário de Defesa, Ash Carter, decidiu pela aceitação. Antes disto, os recrutas trans poderiam ser expulsos da corporação caso expusessem sua identidade de gênero.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget