martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 17 de julho de 2022

Que fase... Advogada de brasileira presa por tráfico na Tailândia é presa por tráfico em MG

Domingo, 17 de Julho de 2022


A prisão ocorreu durante operação da polícia realizada na manhã desta sexta-feira (15). Ela teria sido presa por tráfico de drogas, segundo a polícia.


A prisão da causídica mineira, segundo a polícia, é temporária. A defesa da advogada disse que ainda não teve acesso ao inquérito que motivou a decisão.

Kaelly Cavoli Moreira, advogada de Talita e também de Mary Hellen, disse acreditar que a prisão “tenha sido um grande mal-entendido e que a advogada o quanto antes estará em casa”.

A OAB de Pouso Alegre, não quis comprar briga e comunicou que não vai se manifestar, tendo em vista que a prisão, conforme a Ordem dos Advogados do Brasil, não ocorreu durante exercício da profissão.


O caso Mary Hellen e a importância do estudo de geografia

Mary Hellen Coelho Silva foi detida em fevereiro deste ano com outro brasileiro no aeroporto de Bangkok com 9 kg de cocaína. A droga estava escondida dentro de um compartimento oculto das três malas que eles carregavam.

Outros seis quilos da droga estavam com outro suspeito, que foi preso horas depois. Os três são investigados por tráfico internacional de drogas. Como as leis da Tailândia são para valer – ao contrário do Brasil – ela foi condenada a nove anos de cadeia, em regime fechado.

Claro que um traficante mais experiente deve ter feito uma proposta tentadora para Mary Hellen, mas bastava o mínimo de conhecimento sobre a geopolítica tailandesa - amplamente divulgada em filmes e documentários que mostram as masmorras medievais que são as cadeias do país e como são duríssimas as aplicações das leis naquele pais do sudeste asiático - para não encarar a empreitada criminosa.

Mas, brasileiro, como diz o ditado, não desiste nunca e uma semana atrás o estudante de medicina Alberto Sampaio Gressler, de 25 anos, foi preso pela polícia do Aeroporto Internacional de Ngurah Rai ao desembarcar em Bali, na Indonésia, transportando 2,8 gramas de maconha. Ele estava em um voo que saiu de Kuala Lumpur, capital da Malásia. A prisão aconteceu em 28 de junho, mas ganhou as manchetes internacionais nos últimos dias. O Itamaraty acompanha o caso. 

Nem o fato de outro brasileiro, Rodrigo Gularte, de 42 anos, ter sido executado  no mesmo país (Indonésia) apenas 7 anos atrás pelo mesmo crime, tráfico de drogas – desestimulou o estudante de medicina.

O que prova, mais uma vez, que a epidemia de drogas no Brasil não tem a ver com a condição socioeconômica do usuário ou traficante. Tem a ver com a impunidade que reina no Brasil. Por isso quando esses desavisados saem ao exterior são severamente punidos com a dura espada da lei.

Foto de Eduardo Negrão

Eduardo Negrão

Consultor político e autor de "Terrorismo Global" e "México pecado ao sul do Rio Grande" ambos pela Scortecci Editora.


Fonte: Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055