martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

domingo, 17 de julho de 2022

Estão produzindo um filme com a morte do presidente... Estímulo ou querem dar uma ideia? (veja o vídeo)

Domingo, 17 de Julho de 2022


A cena a morte do presidente é chocante e o requinte de detalhes dessa produção sugere uma intenção didática, parece querer ensinar Telecurso, dando uma ideia.


Uma flecha perfura o pescoço do Presidente durante uma motociata e as cenas dele caído ao solo com a faixa Presidencial só revelam a verdadeira face do ódio e da violência.

É repulsivo ver o estímulo ao ódio e à violência que tem sido a cada dia amplamente estimulada pelas empresas que controlam o fluxo de comunicação - extrema imprensa em conluio com a esquerda - eles não tem mais vergonha na cara, pois dominam a cena e estimular a praticar o ódio contra o Presidente e seus apoiadores passou a ser algo heroico e até mesmo necessário, uma "obrigação", este é o cenário que eles vem construindo a cada dia.


A violência não é um acidente de percurso na esquerda, mas é o "modus operandi", historicamente o discurso, o método e a prática deles é só violência, a arma deles é violência, a ideologia fundamentada na violência.

E justamente a esquerda é quem de forma hipócrita quer rotular o Presidente da República e seus seguidores como violentos! Mas isso é o método de blindagem e também para dar legitimidade para atos de ódio e violência contra a direita brasileira como sendo algo heroico, isso é qualquer um que atacar o presidente ou os seus seguidores vai ser um herói, afinal de contas o Presidente e os seus seguidores são monstros que devem ser combatidos.

O pior é que existem esferas institucionais que apoiam toda essa concepção, pois ao invés de reagirem com austeridade para reprimir essa apologia à violência, eles na verdade embarcam no mesmo discurso estratégico e fazem a apologia "disfarçada" contra o presidente e seus seguidores. Querem nos calar, censurar e se possível nos meter em uma "uma boa cova" como já disse o professor comunista Mauro Iasi ao recitar Brecht.

Até quando o Brasil vai tolerar esse tipo de inversão?

Até quando o Brasil vai tolerar que os verdadeiros odiosos e violentos permaneçam injustamente livres e ainda acusando os brasileiros de bem, daquilo que eles fazem?

Veja o vídeo:

Foto de Bosco Foz

Bosco Foz

Jornalista, Gestor Público, Proprietário do canal Bosco Foz.

Me acompanhe nas redes sociais:

- Canal de YouTube: https://www.youtube.com/c/BOSCOFOZ 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055