martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 19 de julho de 2021

Elo entre ex-vereador Cristiano Girão e Lessa pode elucidar caso Marielle

Segunda, 19 de Julho de 2021

Foto: Guilherme Cunha/Alerj

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) denunciou neste fim de semana o ex-vereador Cristiano Girão pela morte de um rival. Girão, que é apontado como chefe da milícia da Gardênia Azul, na Zona Oeste do Rio, teria contratado Ronnie Lessa, preso pelo assassinato da vereadora Marielle Franco, para executar o ex-policial André Henrique da Silva Souza e sua companheira, Juliana Sales de Oliveira. Os crimes ocorreram em junho de 2014 por uma disputa de controle da Gardênia.

O vínculo entre o ex-vereador e Lessa chamaram a atenção do MP, que acredita ser esta uma peça fundamental para descobrir os mandantes do caso Marielle. A afirmação é da força-tarefa responsável pelo caso. Durante as investigações, os promotores encontraram uma busca de Ronnie Lessa na internet sobre o homicídio de 2014. Para a equipe, o miliciano queria saber o que o inquérito teria descoberto até então.

O MP também encontrou muitas semelhanças entre a morte do policial e da parlamentar: tiros disparados por uma arma automática e com o veículo em movimento.

Girão foi um dos investigados na CPI das Milícias e chegou a ser preso. Ele nega envolvimento na morte de Marielle Franco. Ronnie Lessa está preso acusado de ser o autor dos disparos.

Band News FM

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Ainda isso!?!?! E o Adelio quando vai “elucidar”??? Celular dos advogados e do próprio criminoso quando vao autorizar perícia pela PF ? E o acesso dele na Câmara, quem autorizou e quem clonou? Quem era ? Palhaçada

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055