martins em pauta

segunda-feira, 8 de junho de 2020

A tomografia Computadorizada e sua eficácia para o diagnóstico de Covid-

Segunda, 08 de Junho de 2020

Foto ilustrativa


Um estudo recente publicado na revista científica Radiologia Brasileira, do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR), analisou 91 pacientes de um centro de câncer com sintomas suspeitos de Covid-19 .

Todos eles realizaram uma tomografia computadorizada (TC) do tórax e o exame laboratorial RT-PCR no mesmo dia e foi, então, avaliada a acurácia da TC para esse diagnóstico.

Por meio de diferentes critérios dicotômicos de interpretação da TC, foram observadas taxas de sensibilidade e especificidade da ordem de 90% e 85% para o diagnóstico de Covid-19, respectivamente.

Diante disso, o estudo sugere que a tomografia pode ser integrada como um teste de triagem nos hospitais com sobrecarga de pacientes e recursos limitados durante a pandemia, para auxiliar na otimização de testes de PCR, leitos de isolamento e unidades de terapia intensiva.

Muitos estudos analisaram os achados de imagem mais frequentes na pneumonia por coronavírus, mas há ainda poucas pesquisas sobre a acurácia diagnóstica desse exame na triagem de pacientes com suspeita de Covid-19.
“Nesses estudos os resultado mostrou que quando os exames de tomografia estão disponíveis, mas o acesso ao teste de RT-PCR é limitado, seus resultados são demorados e há escassez de leitos hospitalares e unidades de isolamento, a utilização da TC pode ser útil. Nesse cenário, um exame de imagem sugestivo para pneumonia por Covid-19, por exemplo, pode auxiliar na escolha dos pacientes que farão uso desses recursos escassos por terem maior chance de estarem infectados. Já um exame de TC sem alterações sugestivas pode ajudar na seleção daqueles pacientes com menor chance de apresentar a Covid-19, em que poderiam ser otimizados os testes de PCR, isolamento e hospitalização. A TC, junto com os dados epidemiológicos e clínicos, pode conferir maior assertividade nessas decisões."
A TC não oferece desempenho ideal para se qualificar como um teste diagnóstico possui resultados falso-negativos e falso-positivos para a Covid-19, tampouco pode identificar diretamente a presença do vírus ou da resposta imunológica do paciente. Porém, no cenário descrito, realidade hoje em muitos centros de saúde brasileiros, a acurácia observada permite recomendar a incorporação da TC na triagem de pacientes sintomáticos durante a pandemia.

A pesquisa publicada pela revista Radiologia Brasileira conclui que a estratégia mais eficiente para o diagnóstico da Covid-19 deve combinar a avaliação clínica e epidemiológica usando o teste de RT-PCR e os achados da tomografia computadorizada de tórax. E indica que o exame de sorologia deve ser repetido em pacientes com resultados inicialmente negativos, cuja probabilidade clínica da doença seja alta e as imagens da tomografia também indiquem a Covid-19.

Ednei Silva

Professor, jornalista e escritor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055