martins em pauta

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

'Gratificada porque ele está preso', diz última vítima de estuprador em São Paulo

Segunda, 04 de Setembro de 201

Foto: Vivian Reis / G1

A última vítima do homem detido 17 vezes por crimes sexuais contra mulheres comemorou a decisão da Justiça deste domingo (3) que o manteve na prisão. O ajudante-geral Diego Ferreira de Novais, de 27 anos, teve sua prisão em flagrante convertida para preventiva pelo juiz Rodrigo Marzola Colombini. "Eu me sinto gratificada porque ele está preso. E querendo ou não eu ajudei a manter ele agora preso, e que nenhuma mulher mais corre o risco no momento de ser atacada por esse louco, doente", disse a vítima em entrevista ao G1. Empregada doméstica de 39 anos, ela pediu para não ter seu nome divulgado. A vítima nasceu no Ceará e mora em São Paulo há cerca de 20 anos. Na última terça-feira (29), Diego foi detido por ejacular em uma passageira de ônibus e foi solto no dia seguinte em audiência de custódia. Neste sábado (2) ele voltou a ser preso depois de esfregar o pênis na empregada doméstica dentro de um ônibus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget