martins em pauta

quarta-feira, 1 de julho de 2020

Bomba: Roberto Jefferson revela os podres da política nacional (veja o vídeo)


Quarta, 01 de Julho de 2020
Youtube/JCO


Roberto Jefferson conhece como ninguém os bastidores do poder. Ele denunciou o Mensalão, encarou José Dirceu e protagonizou um dos momentos mais reveladores da República no período Lulopetista. Em entrevista exclusiva à TV Jornal da Cidade Online, o presidente nacional do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) e ex-deputado mais uma vez mostra que não tem medo de falar a verdade, abordando temas como o Covidão; as articulações do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso; as ações do STF e muito mais. Confira alguns destaques:
Viciados em dinheiro público
“O que acontece com o governo do presidente Bolsonaro? Ele não rouba e não deixa roubar. Toca desespero! Porque na velha política, assim como na velha imprensa, todo mundo é viciado em dinheiro público. A velha imprensa não vive sem altas verbas de publicidade do governo federal, haja vista a TV Globo, que está mandando todo mundo embora e beirando a crise de falência. E os velhos políticos, não digo os novos, que estão bem intencionados, mas os velhos, que são grande parte ainda do Congresso, pelo menos são os que comandam, são viciados em dinheiro também.”
FHC, o homem mais perigoso da República?
“Fernando Henrique é verde por fora e vermelho por dentro. Ele ilude as pessoas, fala bem, educado, culto, mas é esquerda, é ateu, ele não crê em Deus, não tem nossos credos. Ele não assume o que é, e te induz ao erro. Não começou no governo do Lula o aparelhamento do estado brasileiro, começou no governo do Sarney, cresceu no governo do Itamar, tomou vulto no governo do Fernando Henrique e explodiu no governo do PT. E o Fernando Henrique é um homem de 90 anos. Eu comparo o Fernando Henrique ao diabo. O diabo não é perigoso por ser mau, é perigoso por ser velho. E Fernando Henrique é velho, um velho bruxo.”
STF e o Covidão
“Para mim, o STF é culpado pelo que estamos vendo aqui, o STF ariscou a estabilidade do Brasil, quando ele deu aos governadores mais poderes do que ao presidente da República. Quando o STF amarrou as duas mãos do presidente e disse que a ele competia botar dinheiro, e ações de saúde seriam apenas dos governadores e prefeitos [isolamento, adoção da hidroxicloroquina]... governadores e alguns, sem nenhum escrúpulo ou temor a Deus, sem nenhum compromisso com a vida do ser humano, começaram a comprar respiradores, que custam R$ 50 mil, governadores pagando R$ 500 mil, R$ 300 mil, R$ 400 mil... um absurdo, um escândalo.”
Fake news e a grande mídia
“A grande imprensa, a velha imprensa, corrupta, vendida, alugada por dinheiro público, ela perdeu poder. Hoje, as mídias sociais já são maioria, se informam pelas mídias sociais 52% do povo brasileiro. Rede Globo, Jornal O Globo, Estadão, Folha estão ficando para trás... se não tem audiência, perde dinheiro.”
FHC e George Soros
“Fernando Henrique pagou para botar na Constituição o direito de ele se reeleger, custou R$ 200 mil o voto para votar a mudança da Constituição para ter reeleição para ele, R$ 100 mil no primeiro turno e R$ 100 mil no segundo turno. Fernando Henrique vendeu a Vale do Rio Doce para George Soros, que é o financiador de toda a esquerda do mundo.”
Assista a entrevista completa:
da Redação / Jornal da Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055