martins em pauta

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Maia afirma que vai rejeitar os pedidos de impeachment contra Temer

Segunda, 30 de Outubro de 2017

Foto: Lula Marques/AGPT

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou que vai rejeitar todos os 25 pedidos de impeachment apresentados contra o presidente Michel Temer. Em entrevista ao Estadão publicada neste domingo (29), ele comentou que não faz sentido dar continuidade aos processos depois de ter sido leal ao presidente nas duas denúncias da Procuradoria-Geral da República (PGR) contra Temer votadas pelos deputados. "Vou rejeitar no momento adequado. Porque a rejeição vai ter direito a um recurso, e esse recurso tem que ser em um ambiente em que a Câmara esteja mais tranquila, para que não tenha uma votação que possa ser distorcida em relação a sua realidade. Vou criar um novo ambiente para votação do recurso agora, logo depois da denúncia? É só ter calma", declarou Maia, ressaltando que os assuntos tratados nas denúncias da PGR são os mesmos dos pedidos de impeachment. Para o presidente da Câmara, Temer deveria agradecer a ele pelos seus posicionamentos. Maia disse que se manteve ao lado do Palácio do Planalto por conta da agenda econômica. "Minha origem na Presidência da Câmara foi independente e o Michel tem de agradecer muito de eu ter sido eleito e não ter feito o que eu podia ter feito. Eu poderia, na minha primeira legislatura, ter trabalhado dizendo o tempo todo que o governo não me ajudou, porque ele só apoiou a minha candidatura nas últimas 24 horas. Mas eu abracei a agenda do governo porque eu acredito na agenda da equipe econômica", explicou. Ao Estadão, Maia também afirmou que o governo deve aprovar a reforma da Previdência, mas ela "não será a que a equipe econômica sonhou".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget