martins em pauta

domingo, 3 de setembro de 2017

ABUSIVO: Gasolina tem quatro aumentos de preços em apenas uma semana

Domingo, 03 de setembro de 2017


Em uma semana, a Petrobras anunciou o quarto aumento no preço da gasolina. A partir de hoje, o valor do combustível está 2,7% mais caro nas refinarias. O diesel também subiu 4,4%. Com o crescimento dos preços, o motorista precisa pesquisar na hora de encher o tanque. O preço máximo do litro já chega a R$ 4,59 no Município do Rio, segundo pesquisa da Agência Nacional de Petróleo (ANP), feita entre 20 e 26 de agosto.

Nas últimas quatro semanas, de acordo com dados da ANP, o preço da gasolina teve uma recaída, mas voltou a subir. Do dia 30 de julho a 5 de agosto, o valor médio do combustível estava em R$ 4,17. O preço mínimo encontrado foi de R$ 3,84 e o máximo de 4,49. Já do dia 20 a 26 de agosto, o custo médio era de R$ 4,19. Por último, os preços mínimo e máximo ficaram, respectivamente, em R$ 3,84 e R$ 4,59.

Na sexta-feira, os preços também subiram de novo. A gasolina teve o maior reajuste (4,2%) desde a implantação da nova política de preços anunciada pela estatal há dois meses. A elevação ocorreu após a disparada das cotações internacionais do produto por causa da tempestade Harvey, que vem provocando inundações e destruição nos Estados Unidos. Já o valor do diesel elevou em 0,8%. De acordo com a Petrobras,os ajustes realizados dentro da nova política de preços, anunciada em junho, têm sido suficientes para garantir o equilíbrio dos valores praticados pela empresa com as volatilidades dos mercados de derivados e ao câmbio

Para o motorista que tem carro bicombustível vale mais a pena usar gasolina, pois o preço do etanol tem crescido também. Do dia 30 de julho a 5 de agosto, o valor médio foi de R$ 3,23, e os mínimo e máximo registraram, respectivamente, R$2,79 e R$ 3,77. Já na semana passada, o valor mínimo foi de R$ 3,28, seguindo dos números mínimo (R$ 2,79) e máximo (R$ 4,19).

A ANP realizou 9.793 ações de fiscalização referentes ao setor de abastecimento no primeiro semestre, que resultaram em 2.836 autos de infração, 399 autos de interdição e 108 autos de apreensão. No Estado do Rio, as operações somaram 1.407.


Fonte: Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055
Ocorreu um erro neste gadget