martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Cristiane Dantas cobra redução da alíquota do ICMS sobre combustíveis

 Quinta, 23 de Setembro de 2021

Foto: João Gilberto

Em pronunciamento durante a sessão plenária desta quinta-feira (23), na Assembleia Legislativa, a deputada Cristiane Dantas questionou o preço do combustível no Rio Grande do Norte e cobrou medidas do Governo do Estado. De acordo com a parlamentar, é necessário proceder um ajuste fiscal para que o consumidor não seja penalizado.

“O combustível no RN figura no ranking brasileiro como o 2º mais caro do País, enquanto estados vizinhos como Paraíba, Pernambuco e Ceará aparecem lá atrás. O valor é exorbitante, penalizando a população que vem pagando um preço muito elevado e injusto, sobretudo quem trabalha com serviços de transporte”, alertou Cristiane.

Segundo a deputada, o Governo do Estado precisa adotar medida semelhante com a do Rio Grande do Sul, onde, após ajuste fiscal, a alíquota de ICMS sobre o combustível foi reduzida para 25%. “Um remédio amargo, mas que resultou na redução do preço do combustível por lá. Aqui no RN essa alíquota é hoje de 29%. A arrecadação no mês passado foi de R$ 659 milhões. Não temos como aceitar essa situação diante de uma arrecadação tão alta”, disse ela.

Na ocasião, Cristiane destacou o encaminhamento de requerimento ao Governo do Estado cobrando medidas para reverter a alta nos preços do combustível. “É necessário que se faça a redução da carga tributária, um ajuste fiscal e um olhar diferenciado para o cenário. O governo não pode vibrar com esse aumento de arrecadação penalizando a população. Que a governadora tenha sensibilidade para resolver a questão”, finalizou a deputada.

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Soluções simples para problemas complexos como esse não existem. Ou se muda a política de preços da Petrobras, ou ainda que se ZERE a alíquota de ICMS, em pouco tempo o consumidor continuará sentindo o rombo no bolso.

  2. Sugiro a senhora deputada procurar um rapaz que dias atrás deu entrevista no programa do BG ao meio dia.
    Ele vai explicar detalhadamente como configura essa farra aqui no RN no tocante aos combustíveis.
    Uma consultoria!!
    Quem sabe a nobre deputada não erguer essa bandeira.
    Sei de mais quem é.
    Um cara que ja trabalhou em muitas distribuidoras de combustível na área comercial, a última ALE.
    O cara sabe tudo como funciona esses PMPFs
    Não vou falar o nome por questão de não querer expor.
    Mas o BG, sabe de mais quem é.
    Penso que é só a Sra entrar em contato com BG, que ele faz a ponte com o consultor,
    NW.
    Feito isso a deputada vai ter argumentos de sobra pra saber como de fato funciona essa farra maldita.

  3. Fátima Bezerra, a generosa, inocente e bem intencionada governadora, deverá reduzir a alíquota do ICMS sobre os combustíveis quando estiver próximo das eleições de 2022, para posar de “boazinha”, “salvadora da pátria” e enganar os seus admiradores, assim como fez com os salários atrasados que “deverão” ser quitados no quarto ano de sua gestão. Essa aí só engana os jumentos.

  4. Os Estados poderiam unificar a cobrança do tributo ICMS em, no máximo,10%. Estaria de bom tamanho. Quaisquer gravames acima de 10%, inclusive o Leão, é extorsão.

  5. Pelo menos uma se pronunciou. A cambada que mama no RN. Tudo caladinho. Quase 700 milhões só num mês, é dinheiro papai. Nosso lombo tá cansado. RN com esse dinheiro todo ainda tem cara de estado atrasado, pobre e sem recursos. Dinheirama toda pra bancar luxo de político, cabide de emprego e seguidores. RN véi sofrido e explorado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055