martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 18 de julho de 2022

RN tem mais 2,5 milhões de eleitores aptos a votar nas Eleições 2022

Segunda, 18 de Julho de 2022

Foto: Reprodução 

O Rio Grande do Norte possui 2.554.727 eleitores aptos a votar nas Eleições Gerais de 2022. Houve um aumento de 7,63% se comparado com as Eleições de 2018, quando foram registrados 2.373.619 eleitores. Neste ano, estão em disputa os cargos de presidente da República, governador, senador e deputado federal, deputado estadual ou distrital. Os dados do eleitorado foram divulgados, na última sexta-feira (15), pelo Tribunal Superior Eleitoral.

O Cadastro Eleitoral de 2022 mostra que a maior parte do eleitorado potiguar é composta por mulheres. Ao todo, são 1.349.571 de eleitoras, o que equivale a 52,83% do total. Já os homens são 1.205.146, sendo 47,17% do eleitorado.

“A Justiça Eleitoral fez um grande trabalho chamando os potiguares a participar das Eleições 2022. E é muito gratificante ver que a população atendeu esse chamado. Teremos mais de 180 mil eleitores se comparado às Eleições de 2018. No âmbito do TRE-RN, estamos prontos para realizar uma grande eleição”, disse o presidente do TRE-RN, desembargador Gilson Barbosa.

Faixa Etária
A maioria do eleitorado do Rio Grande do Norte possui entre 35 e 39 anos. São 276.508 eleitores nessa faixa etária. Já 271.300 eleitores possuem entre 25 e 26 anos.

Nas eleições deste ano, o RN possui 45.967 jovens com idade entre 16 e 17 anos aptos a votar. Em 2018 esse número era de 29.065 jovens.

O eleitorado acima de 70 anos também cresceu. Este ano estão aptos a votar 223.150 pessoas nessa faixa etária. Nas Eleições de 2018. O Rio Grande do Norte possuía 175.953 eleitores com 70 anos ou mais.

Distribuição Geográfica
O município de Natal é o maior colégio eleitoral do Rio Grande do Norte com 583.079 eleitores, seguido de Mossoró (183.285) e Parnamirim (136.655). Já o menor colégio eleitoral é o município de Viçosa com 1.874 eleitores.

Nome social
Pela terceira eleição consecutiva, a Justiça Eleitoral garante que pessoas transgênero, transexuais e travestis tenham o nome social – aquele pelo qual o eleitor prefere ser designado – impresso no título de eleitor e no caderno de votação.

Neste ano, 699 eleitores farão uso do nome social, um total de 0,02% do eleitorado apto. Em 2018 esse número foi de 183 pessoas, um aumento  de 516 pessoas que optaram pelo nome social ao se registrarem ou atualizarem os dados na Justiça Eleitoral. Na divisão por gênero, são 368 eleitoras e 331 eleitores que utilizarão o nome social nas Eleições 2022.


Fonte: Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055