martins em pauta

segunda-feira, 8 de junho de 2020

AUXÍLIO EMERGENCIAL: Município no RN teve mais beneficiários que o número de moradores calculado pelo IBGE; secretaria pede atualização de recenseamento

Segunda, 08 de junho de 2020

O governo federal pagou a primeira parcela do auxílio emergencial criado durante a pandemia do novo coronavírus a 1.102.658 potiguares, que representam 31% da população do estado estimada pelo IBGE em 3,5 milhões de habitantes. O município de Severiano Melo teve mais beneficiários que o número de moradores calculado pelo IBGE. Foram 2.658 benefícios, enquanto a cidade teria 2.440 habitantes.

As informações são de um levantamento feito pelo G1 a partir de um cruzamento da base de dados de pagamentos do auxílio, disponível no Portal da Transparência desde quinta (4), e a mais recente estimativa populacional do IBGE dos municípios (de 2019). 1/4 dos habitantes de 3.547 dos 5.570 municípios do Brasil recebeu o benefício.

A Desenvolvimento e Assistência Social de Severiano Melo, em resposta, diz que há uma justificativa para a discrepância. Diz que o município conta com áreas de litígio (disputa) territorial com outros municípios. Seriam sítios e comunidades cujas pessoas se identificam como de Severiano Melo e são atendidas pelo município, mas nos mapas pertencem a municípios vizinhos, como Itaú e Apodi.

“A Secretaria de Saúde, que tem todas as famílias cadastradas aponta que a gente tem quase 10 mil habitantes, e não 2,4 mil como diz o IBGE. Isso inclusive já foi pauta de reuniões nossa com eles, para se trabalhar isso no próximo recenseamento. É a causa dessa disparidade”, afirma.

Com acréscimo do G1-RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055