martins em pauta

segunda-feira, 28 de outubro de 2019

“Morreu como um covarde, chorando e gritando”, diz Trump sobre líder do Estado Islâmico morto em operação americana

Segunda, 28 de outubro de 2019


Em coletiva de imprensa direto da Casa Branca, o presidente Donald Trump disse que a missão contra o líder do grupo terrorista ISIS Abu Bakr al-Baghdadi foi impecável.

“As forças de operação especial dos EUA executaram um ataque noturno perigoso e ousado no noroeste da Síria e cumpriram sua missão em grande estilo, o pessoal dos EUA foi incrível”, afirmou.

“Ele [Baghdadi] morreu depois de correr por um túnel sem saída. Morreu como um covarde, chorando e gritando por todo o caminho. Onze crianças foram retiradas de casa e não se feriram. Os únicos que restavam eram Baghdadi no túnel e seus três filhos pequenos. Eles também foram mortos. Ele chegou ao fim do túnel enquanto nossos cães os perseguiam. Ele acendeu o colete e se matou junto com os três filhos. Seu corpo foi mutilado pela explosão.”

ESTADO ISLÂMICO:

No seu auge, o EI controlou vastos territórios no Iraque e na Síria, onde proclamou um califado marcado pela imposição brutal de uma versão puritana do Islã.

Além da opressão da população sob seu comando, o EI planejou ou inspirou ataques terroristas na Europa, usando técnicas de propaganda nas redes sociais para atrair um número amplo de voluntários estrangeiros.

Foram vários anos de guerra, nos quais o EI ficou famoso pelas execuções em massa e assassinatos de reféns, antes de o último território do califado na Síria ser retomado, em março.

Com informações do Estado de Minas

Fonte: Republica de Curitiba

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055