martins em pauta

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2018

Maia quer esperar decisão do STF para votar auxílio-moradia e teto do funcionalismo

Sexta, 23 de Fevereiro de 2018

Foto: Reprodução / Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM) afirmou nesta quinta-feira (22) que só vai votar o projeto que trata do teto salarial de servidores dos três Poderes após o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar o mérito do auxílio-moradia para magistrados. “Eu defendo que a gente espere o julgamento e faça depois, porque a interpretação do Supremo sobre esse tema vai ser a base do trabalho e não adianta legislar de uma forma e o Supremo interpretar de outra”, declarou Maia após reunião com a presidente do STF, ministra Cármen Lúcia. A proposta que tramita na Câmara de Deputados busca restringir o auxílio-moradia aos servidores que tenham que sair de sua cidade para trabalhar em outro local temporariamente e, só nesses casos o teto salarial de R$ 33,7 mil poderia ser utrapassado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055