martins em pauta

sábado, 23 de fevereiro de 2019

Loucura do Ditador Maduro já matou 1.557 pessoas na Venezuela

Sábado, 23 de fevereiro de 2019


Cada dia vemos que a crise na Venezuela não tem fim, e o que parecia ruim tem a tendência de ficar pior depois que um relatório foi divulgado de que cerca de 1.557 morreram no país devido a falta de medicamento.

A Pesquisa Nacional de Hospitais, realizada desde 2014, registra (toda semana) a rotina de 40 hospitais, e em apenas 80 dias, os dados preenchidos por médicos do sistema de saúde mostrou que a falta de medicamentos básicos, como morfina e para a hipertensão, está levando a morte a população venezuelana.

Desse total, 756 pacientes sofreram trauma agudo e os outros 801 enfrentavam doenças cardiovasculares, que não foram tratados devido à escassez de recursos nos hospitais.

Além disso, 75% dos hospitais não possuem morfina e 66% estão sem estoques de medicamentos para hipertensão arterial.

Com relação aos insumos em salas de cirurgia, 60% dos hospitais declararam que estão desabastecidos até mesmo com analgésicos de pequeno porte e materiais descartáveis.

Fonte: News Atual

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055