martins em pauta

terça-feira, 20 de março de 2018

Sócio diz que Geddel repassava dinheiro vivo com origem no setor rural, aponta coluna

Terça, 20 de Março de 2018

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / EBC

O empresário Luiz Fernando Costa Filho relatou ao Supremo Tribunal Federal (STF) que recebeu dinheiro vivo do ex-ministro Geddel Vieira Lima sem levantar suspeita da sua origem. Segundo informações da coluna Expresso, da revista Época, o empresário alega que Geddel sempre dizia a ele que o valor era proveniente da atividade rural desempenhada pela família. "[É] público e notório na Bahia a atividade pecuária exercida pelo denunciado Geddel Vieira Lima em mais de dez fazendas de sua propriedade", disse Costa Filho, sócio do ex-ministro em empreendimentos imobiliários. O relato faz parte da defesa do empresário no STF. Ele foi acusado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa por participação no caso do bunker de R$ 51 milhões encontrado em um apartamento de Salvador. Costa Filho teria ajudado a lavar dinheiro da família Geddel na forma de investimentos imobiliários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055