martins em pauta

terça-feira, 20 de março de 2018

MP-GO calcula R$ 2 milhões em desvios da igreja católica

Terça, 20 de Março de 2018 


Foto: Reprodução / MP-GO

O Ministério Público de Goiás calcula que os desvios da Diocese de Formosa chega a R$ 2 milhões. Segundo o Ministério Público, o dinheiro desviado tinha origem em dízimos e doações de fiéis. De acordo com o Estadão, a Operação Caifás, deflagrada por um grupo de promotores de Justiça, prendeu o bispo de Formosa, Dom José Ronaldo, além de quatro padres, um monsenhor, um vigário-geral e dois funcionários do setor de administração da Cúria. O MP-GO suspeita que o bispo Dom José Ronaldo, enriqueceu com dinheiro desviado de fiéis. A investigação mostra que o religioso teria adquirido carros de luxo, uma fazenda e uma casa lotérica com os recursos durante um período de três anos. Segundo a Promotoria, Dom José seria o mentor do esquema de desvios. A Operação foi montada a partir de denúncias de fiéis que exigem a prestação de contas da Igreja Católica de Goiás

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055