martins em pauta

Postagem em destaque

BRISANET A MELHOR INTERNET DO BRASIL

segunda-feira, 10 de janeiro de 2022

VÍDEO: Quiosqueiro cobra R$ 160 de turista por barraca, uma cerveja e uma Coca-Cola em Ponta Negra

 Segunda, 10 de Janeiro de 2022

Um quiosqueiro cobrou R$ 160 de uma turista que consumiu uma cerveja long neck e uma lata de refrigerante, e passou uma hora sentada na barraca, na praia de Ponta Negra, em Natal. O valor ainda contempla a taxa de serviço. O episódio aconteceu no último dia 3. A cena foi filmada por um popular que presenciou o ocorrido. As informações são do Agora RN.

Do total da conta, R$ 60 correspondia ao uso da barraca. A turista questionou o valor cobrado, alegando que passou cerca de 60 minutos no local. O quiosqueiro, então, reduziu a cobrança do item para R$ 50, segundo a denúncia. Contudo, pessoas que estavam em barracas próximas informaram que pagaram de R$ 15 a R$ 25 para ficar no espaço por tempo indeterminado.

A mulher ainda tentou pagar R$ 30 pela barraca, sem sucesso. De acordo com a testemunha, apesar da visível revolta com o ocorrido, a turista pagou R$ 150 ao quiosqueiro. Ela estava acompanhada de uma outra mulher e de um homem.

Não há informações se a turista foi informada ou questionou previamente sobre o valor da barraca e dos demais itens que constam no cardápio.

No final do vídeo acima, que foi borrado a fim de preservar a identidade dos envolvidos, a turista olha para o cardápio e diz, em tom incrédulo: “R$ 18 a lata…”.

Crédito do vídeo: Agora RN

OPINIÃO DOS LEITORES

  1. Pra que serviu essa notícia se vocês não públicam nome do cara que extorquiu o turista? Serve para a população ficar brava com toda a categoria e só

  2. Isso, matem a galinha dos ovos de ouro! imagine quantas pessoas deixarão de vir com a propaganda negativa desses turistas. Além da sujeira, desorganização, violência, ainda aparece isso aí, mais parecido com extorsão do que cobrança.

  3. Tem que tirar esses barraqueiros ladrões da orla, quem quiser curtir a praia que leve seus itens, se sujeitar a isso é absurdo, cade o procom e a prefeitura de Natal que nada fazem?

  4. Tão linda minha cidade ,mas é por essas e outras que saio daqui nas férias e vou pra João Pessoa, lá vc não ver preços altos , quanto mais um roubo desse.

  5. Passei por esse mesmo constrangimento em porto de galinhas/PE, uma verdadeira exploração e vergonha, isto, apesar de haver perguntado sobre antecipadamente sobre a cobrança, que foi dito não existir, faltam educação, orientação e vergonha desses exploradores do turismo, fica difícil voltar.

  6. Sou natalense e não frequento ponta negra, isso já aconteceu comigo há alguns anos, isso é uma vergonha…

  7. Um cardápio desse, espanta qualquer um! Fora que é uma alma sebosa, que ao ser desonesto com o valor da barraca, deveria perder a licença.

  8. Ai quando se proibi essas “barracas” aparece tudo que é gente defendendo esse indivíduos. Isto é um assalto, a prefeitura e a policia devem investigar isto e remover esses saqueadores. Zero para o turismo no RN com essas ações NEFASTAS.

    1. A Prefeitura precisa cadastrar todos os barraqueiros e tabelar os preços! Não assistem os turistas com
      Preços abusivos! Prefeitura se pronuncie!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055