martins em pauta

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

Banco inglês retém ouro venezuelano, não entrega a Maduro e Guaidó comemora no Twitter

Terça, 29 de Janeiro de 2019


Nicolas Maduro pediu ao Banco da Inglaterra a restituição de 1,2 bilhão de dólares em barras de ouro que se encontram depositadas naquela instituição financeira.

De acordo com a agência de notícias Bloomberg, por intervenção dos Estados Unidos a liberação dos ativos venezuelanos no exterior foi negada ao tirano.

Em contrapartida, as autoridades americanas estão intervindo para que a fortuna depositada no banco inglês seja enviada para o governo paralelo de Juan Guaidó.

No Twitter, o próprio Guaidó comentou a iniciativa:

"Começa o processo de proteção de ativos venezuelanos. Não vamos permitir mais abusos e que roubem o dinheiro destinado aos alimentos, medicamentos e, portanto, ao futuro de nossos filhos".

É o cerco se fechando. Sem dinheiro e a possibilidade de continuar corrompendo aliados, o enfraquecimento e esfacelamento será fatal.

É questão de tempo para a rendição ou fuga do genocida venezuelano.


da Redação

Fonte: Jornal Cidade Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055