martins em pauta

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Fenômeno de popularidade, conservador e com carreira construída na direita, presidente de Portugal estará presente na posse de Bolsonaro

Terça, 04 de Dezembro de 2018


O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, em evento em Lisboa nesta semana | Foto: Divulgação/Presidência da República de Portugal

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, anunciou que pretende comparecer à posse de Jair Bolsonaro (PSL) em Brasília no dia 1º de janeiro de 2019.

A declaração foi feita ao embaixador do Brasil em Portugal, Luiz Alberto Figueiredo Machado, durante um evento na sexta (30 de novembro) no Centro de Congressos de Lisboa.

“Estou esperando o convite, porque eu, em princípio, vou à posse no dia 1”, disse o chefe de Estado luso, que acrescentou que deve chegar ao Brasil já no dia 30 de dezembro.

Fenômeno de popularidade em seu país, Marcelo Rebelo de Sousa foi eleito presidente em 2016 como independente, mas construiu toda a sua carreira no principal partido de direita em Portugal, o PSD.

No dia 28 de outubro, logo após a confirmação de que Bolsonaro havia vencido o segundo turno contra Fernando Haddad (PT), o presidente português divulgou uma nota informando que havia enviado uma mensagem para o capitão reformado para parabenizá-lo pelo resultado.

Segundo o palácio de Belém, Marcelo Rebelo de Sousa “fez referência aos laços de fraternidade que unem Portugal e o Brasil e à significativa comunidade de portugueses e lusodescendentes residentes no Brasil, bem como à cada vez mais importante comunidade brasileira”em Portugal.

Em 2002, Jorge Sampaio, então presidente de Portugal, compareceu à posse do primeiro mandato de Luiz Inácio Lula da Silva. Já em 2010, foi a vez de um chefe de governo português. Primeiro-ministro luso na altura, José Sócrates, amigo pessoal de Lula, esteve presente na posse de Dilma Rousseff (PT).

Ora Pois – Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055