martins em pauta

sábado, 14 de julho de 2018

Copiloto faz avião cair 3 mil metros após fumar dentro da cabine

Sábado, 14 de Julho de 2018 

Foto: iStock

Por engano, um copiloto da companhia Air China desligou o ar-condicionado de uma aeronave e fez com que o veículo aéreo descesse pelo menos 3 mil metros. Segundo Qiao Yibin, vice-diretor da Administração de Aviação Civil da China (CAAC), o acidente aconteceu porque o copiloto, cuja identidade não foi revelada, estava fumando um cigarro eletrônico na cabine. 

O copiloto queria desligar os ventiladores de circulação de ar para evitar que o cheiro do cigarro se espalhasse para a área dos passageiros, mas acabou desligando o sistema de ar-condicionado. O erro levou a uma despressurização da cabine e fez com que a aeronave perdesse altitude até que a tripulação de cabine descobriu o problema e ligou o ar-condicionado. 

Um passageiro da aeronave relatou a CNN que todos estavam calmos quando as máscaras de oxigênio caíram durante a turbulência. “Não sabíamos o que estava acontecendo, nem parecia que os comissários de bordo sabiam”, declarou. “Não estou fisicamente machucado, mas o impacto psicológico perdura. Quando fecho meus olhos, vejo as máscaras de oxigênio balançando na minha frente”, completou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contato : (84) 9604-4055

Contato : (84) 9604-4055